Rio terá unidade móvel de esterilização de animais abandonados

O veículo vai contar com dois veterinários cirurgiões e um anestesista

A Prefeitura do Rio sancionou, nesta terça-feira (8), a lei que cria o Castramóvel – Unidade Móvel adaptada para serviços de esterilização de animais cães e gatos. O proponente da medida, vereador Luiz Carlos Ramos Filho (Pode), estima que 600 mil animais estão em situação de abandono nas ruas da cidade.

De acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil tem mais de 30 milhões de animais abandonados, entre os quais há 10 milhões de gatos e 20 milhões de cães (10% da população total).

O texto do projeto prevê três médicos veterinários – dois cirurgiões e um anestesista –, dois auxiliares de serviços veterinários, dois motoristas, um agente administrativo e um palestrante em cada unidade móvel, que custaria entre R$ 100 mil a R$ 200 mil, segundo Ramos.

O veículo contará com duas mesas de cirurgia, foco cirúrgico, aparelho de anestesia inalatória, balança para pesagem dos animais e outros materiais e equipamentos indispensáveis à viabilidade do projeto.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s