Saiba mais sobre a primeira cena do novo filme de Oswaldo Montenegro

Histórias e curiosidades sobre o Rio e seus habitantes

Poesias ao vento

Essas duas folhas que voam por cima de prédios do Leblon são, de fato, poemas. É a primeira cena de O Perfume da Memória, novo filme de Oswaldo Montenegro, história de amor entre duas mulheres (uma delas poeta, daí os versos no ar) ambientada em paisagens carioquíssimas, como as pedras do Arpoador e os deques da Lagoa Rodrigo de Freitas. O longa, rodado com recursos próprios, está disponível, gratuitamente, no canal do cantor no YouTube. A tomada reproduzida acima, aliás, foi feita da janela do apartamento onde ele mora. Que ninguém pense que a produção sujou a rua: componentes da equipe ficaram lá embaixo recolhendo os  papéis que caíam na Avenida Ataulfo de Paiva.

Bem-vindos, intercambistas

Principal destino do turismo no país, o Rio está se tornando pouso certo também para estudantes intercambistas. Em decisão recente, a AFS Intercultura, ONG fundada nos Estados Unidos, hoje presente em sessenta países e que desde 1956 recepciona escolares no Brasil, fará do Galeão/Tom Jobim o ponto-padrão para os voos dos alunos: vão ser concentrados por aqui os desembarques, tirando do Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, a prioridade. A instituição diz que os Jogos Olímpicos e a melhoria da infraestrutura local foram fundamentais para a nova opção.

A volta do Cantusca

CantuscaCantusca

 (/)

Houve um tempo em que um modesto time de futebol sediado na vizinha Niterói superava Flamengo, Fluminense e outros grandes clubes cariocas. O troféu acima é a prova disso. Ele foi dado ao Canto do Rio, o vencedor do Torneio Início de 1953. Esse campeonato, cuja tradição foi interrompida nos anos 60, tinha partidas com duração de apenas vinte minutos e regras muito próprias: além dos gols, escanteios valiam ponto, assim como a quantidade de bolas na trave. Apelidado de Cantusca, o clube de brasão azul e branco acaba de firmar parceria com a Universidade Federal Fluminense (UFF). Professores de lá vão compor a nova comissão técnica da equipe, dentro de um projeto de reestruturação do futebol e do futsal. O Canto do Rio conta, hoje, com 250 atletas, e seu maior objetivo é, em 2017, voltar a disputar o Carioca, integrando a série C.

157 crianças

Esse é o número de meninos e meninas que, por iniciativa de uma dona de casa de Belford Roxo, na Região Metropolitana, a partir deste mês, ocuparão um novo estabelecimento de ensino. Tudo começou há 22 anos, em 1994, quando Ana Maria da Silva Santos reuniu crianças na garagem da própria casa, transformando-a em sala de aula. Eram filhos de vizinhos que trabalhavam o dia inteiro e não tinham com quem deixar as crianças. O projeto cresceu, passou a ocupar outros cômodos do imóvel e Ana Maria teve de ir morar no quarto dos fundos. Agora o prédio foi ampliado com recursos vindos da Fundación Prosegur e virou um colégio de verdade.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s