PM suspende férias de cerca de 2 mil policiais no Rio

A medida pretende reforçar a segurança durante no Réveillon de Copacabana, com um efetivo de 10 mil agentes, e na Rocinha, com equipes especiais

A Polícia Militar do Rio suspendeu as férias de cerca de 2 mil PMs, para garantir a segurança durante o Réveillon de Copacabana, que receberá cerca de 2 milhões de cariocas e turistas. Faltam recursos para pagar o Regime Adicional de Serviço (RAS), programa do estado que remunera policiais que trabalham em seus dias de folga.

Folgas também estão sendo canceladas e funcionários da área burocrática poderão ser deslocados para o patrulhamento nas ruas. As decisões têm como objetivo manter um efetivo de, pelo menos, 10 mil homens, assim como no ano passado, quando houve redução no número em comparação a 2015.

A situação na Rocinha é outro entrave ao planejamento policial. A polícia pretende reforçar o policiamento na região com equipes dos batalhões de Choque, de Operações Policiais Especiais (Bope) e de Ações com Cães.

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s