PF do Rio é a que mais desvia armas no país

O estudo concluiu que cerca de 20% dos armamentos desaparecidos eram responsabilidade da Superintedência fluminense

Um levantamento da direção-geral da Polícia Federal revelou que Superintedência da Polícia Federal do Rio é responsável por cerca de 20% das armas que desapareceram dos estoques da instituição nos últimos 11 anos. Oitenta das 404 armas extraviadas em todo o Brasil neste período estavam sob controle da sede fluminense. Em média, sete armas por ano passaram das mãos de policiais para o crime. O estudo, assinado pelo delegado Fabrício Schommer Kerber, diretor de Administração e Logística (Dlog) da PF, durante este mesmo período, 483 projéteis de vários calibres desapareceram dos estoques da Polícia Federal do Rio. Entre este contingente, havia munição de de fuzis, submetralhadoras e pistolas.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s