Monitores do Santos Dumont disponibilizam informações em Libras

Informações exibidas nas telas são adaptadas para a Língua Brasileira de Sinais

O Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, exibe desde segunda (23) informações em seus monitores adaptadas para a Língua Brasileira de Sinais, conhecida como Libras. Os monitores, perto dos portões de embarque e das esteiras de restituição de bagagens, foram adaptados para incorporar mais uma tela-módulo de operação, além das duas já existentes, que mostram informações em português e inglês.

As mensagens operacionais veiculadas nos monitores, como troca de portão e situação de voos, serão traduzidas automaticamente para libras, o que permite acessibilidade aos passageiros com deficiência auditiva, além de atender aos requisitos legais para o seu funcionamento.

+ Vizinho ao Santos Dumont, novo shopping aposta em programação eclética

Segundo Cidikley Barbosa, assessor da Superintendência de Gestão Operacional da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), estatal que administra o aeroporto, o Santos Dumont é o primeiro a receber o projeto. A expectativa, no entanto, é de que todos os aeroportos administrados pela Infraero recebam os monitores adaptados.

“A nossa intenção é reforçar o compromisso de atender melhor à pessoa com deficiência. A iniciativa se deu a partir de um piloto que fizemos em Maceió, juntamente com a nossa área de tecnologia da informação. Como tudo correu bem e sabendo que cerca de 25% da população brasileira são portadores de deficiência, achamos por bem implantar isso no Santos Dumont”, disse.

Barbosa fez questão de lembrar que por mais que os Jogos Olímpicos ocorram no próximo ano, a ideia de adaptar os monitores não se deu especificamente por conta do evento, mas sim como uma necessidade nacional.

“Como a recepção tem sido muito boa no Rio, mesmo que tenha começado apenas na segunda (23), estamos planejando tornar essa iniciativa nacional. Congonhas já receberá na próxima semana e a intenção realmente é de abranger todos os aeroportos possíveis. Não pensamos nisso só por conta dos jogos, mas é inegável que será um grande legado que deixaremos disponível durante o evento”.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s