Gasto de lojistas cariocas com segurança cresce 20%

O levantamento é do Clube de Diretores Lojistas do Rio de Janeiro (CDLRio), que ouviu 750 lojistas

Um levantamento do Clube de Diretores Lojistas do Rio de Janeiro (CDLRio) revela que o setor gastou R$ 900 milhões em ações de segurança entre janeiro e junho deste ano. Os custos são 20% maiores em relação às registradas durante o mesmo período de 2017.

Os gastos envolvem contratação de vigilantes, equipamentos eletrônicos, grades, blindagens de portas, reforço de vitrines e seguro. A pesquisa ouviu 750 lojistas, dos quais 180 dizem já ter sido vítima de roubo, 15% mais do que no ano passado.

Em 2017, 9.121 estabelecimentos encerraram as atividades, um terço a mais em relação ao ano anterior. O resultado do fechamento dos negócios foi o fim de 21.139 postos de trabalho.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s