Contracultura carioca é tema de série documental

Em quatro capítulos, o diretor Olívio Petit apresenta um panorama da produção cultural nas mais variadas áreas

Era para ser apenas mais uma obra faraônica — não que não fosse importante — do regime militar: o emissário submarino e sua conexão com o sistema de esgotamento sanitário da Zona Sul. Para que fosse realizada a contento, foram necessárias a construção de um píer em Ipanema e a retirada de areia do fundo do mar para a passagem de tubulações gigantescas. Além de criarem condições perfeitas para o surfe, as intervenções feitas durante o governo Médici produziram dunas enormes que se tornaram ponto de encontro de jovens dispostos a se manifestar e experimentar, não importava o que fosse. É justamente essa fase da contracultura que será retratada na série documental Dunas do Barato, que estreia no dia 18 no Canal Brasil. Em quatro capítulos, o diretor Olívio Petit apresenta um panorama da produção cultural nas mais variadas áreas, da moda à literatura.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s