Caio Blat e elenco de Grande Sertão: Veredas fazem ato no CCBB

Elenco da peça dirigida por Bia Lessa fará a preparação diária em praça pública, durante vigília

Em uma publicação no Instagram, o ator Caio Balt, protagonista de Grande Sertão: Veredas, noticiou que o elenco e equipe do espetáculo vão se manifestar em repúdio à morte da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Pedro Gomes. O ato será realizado a partir das 18h, na parte externa do CCBB, onde a peça dirigida por Bia Lessa está em cartaz. O exército armado de jagunços sem cabeça que compõe a instalação na qual a peça é apresentada, no foyer da instituição será levado para a rua e lá ficará exposto, em vigília. Os atores farão sua rotina de ensaio em praça pública. Além disso, nomes de assassinados por causas políticas, como indica ser o caso de Marielle, e de vítimas de ações policiais na cidade do Rio serão fixados nas cadeiras do teatro no espetáculo apresentado nesta quinta (15). No post, ele listou as vítimas homenageadas:

Paulo Sérgio Almeida Nascimento 13/03/2018 – líder comunitário no Pará – assassinado
Márcio Oliveira Matos, 26/01/2018 – líder do MST na Bahia – assassinado

Leandro Altenir Ribeiro Ribas, 19/01/2018 – Líder Comunitário no RS – assassinado
Jefferson Marcelo, 04/01/2018, Líder comunitário no RJ – assassinado
Carlos Antonio dos Santos (carlão), 08/02/2018 – líder movimento agrário Mato Grosso – assassinado
José Raimundo da Mota de Souza Júnior 13/07/2017 – líder quilombola/MST Bahia – assassinado
Eraldo Lima Costa e Silva, 20/06/2017 – líder MST Recife – assassinado
George de Andrade Lima Rodrigues, 23/02/2018 – líder comunitário Recife – assassinado
Luís César Santiago da Silva (“cabeça do povo”), 15/04/2017 – líder sindical Ceará – assassinado
José Bernardo da Silva, 27/04/2016 – líder do MST Pernambuco – Assassinado
Paulo Sérgio Santos, 08/07/2014 – líder quilombola na Bahia – Assassinado
Rosenildo Pereira de Almeida (Negão), 08/07/2017 – líder comunitário/MST – Assassinato
Jair Cleber dos Santos, 24/09/2017 – líder movimento agrário Pará – Assassinado
Simeão Vilhalva Cristiano Navarro, 01/09/2015 – líder indígena Mato Grosso – Assassinado
Fabio Gabriel Pacifico dos Santos (binho dos palmares), 19/09/2017 – líder quilombola Bahia – Assassinado
Valdenir Juventino Izidoro, (lobo), 04/06/2017 – líder camponês Rondônia – Assassinado
Almir Silva dos Santos, 08/07/2016 – líder comunitário no Maranhão – assassinado
José Conceição Pereira, 14/04/2016 – Líder comunitário – assassinado

 (Reprodução/Instagram)

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s