Clique e assine por apenas 4,90/mês

VLT diminui intervalos nos horários de pico

Desde esta terça (11), na linha 1 (Rodoviária-Santos Dumont), o tempo de espera caiu de 13 minutos para 7 entre 8h e 18h, o período de maior demanda

Por Redação VEJA RIO - 11 jul 2017, 12h15

Desde esta terça (11), o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) opera com  intervalos mais curtos. Na linha 1 (Rodoviária-Santos Dumont), o tempo de espera passou em média de 13 minutos para 7 no período entre 8h e 18h, que é o de maior demanda de passageiros. Com o intervalo unificado, os veículos que saem do Santos Dumont ao longo do dia vão até a Rodoviária, sem a necessidade da linha auxiliar que circulava somente até a Parada dos Navios.

Na linha 2 (Saara-Praça Quinze), a queda maior  é nos horários das 7h às 9h30 e das 17h às 19h30, quando o intervalo de espera entre as composições diminui em cinco minutos, passando de 13 para 8 minutos.

De acordo com a concessionária, as alterações significam uma redução de 40% no tempo de intervalo entre a Rodoviária e  a Parada dos Navios. Aumenta também a oferta diária de viagens: são cerca de 80 viagens a mais por dia integrando Centro e Região Portuária, além de outras 40 na linha 2, atravessando o Centro Histórico.

Publicidade