Clique e assine com até 65% de desconto

Viaduto de Madureira ganhará polo de empreendedorismo digital

Central Única das Favelas (Cufa) instalará no local um polo de capacitação de desenvolvedores de sites, aplicativos e startups

Por Rafael Sento Sé Atualizado em 16 mar 2018, 15h47 - Publicado em 16 mar 2018, 14h48

Point do subúrbio, o Viaduto Negrão de Lima, conhecido como Viaduto de Madureira, abriga festas de tribos variadas (foto) — a mais popular delas é o tradicional baile charm, consagrado em 2013 como patrimônio imaterial da cidade. Não por acaso, o lugar vai se tornar um polo de capacitação de desenvolvedores de sites, aplicativos e startups. A Central Única das Favelas (Cufa) instalará por ali, em parceria com a Fundação Banco do Brasil, o projeto Viaduto TEC, que levará 300 jovens a participar de oficinas de empreendedorismo digital e coaching aliado a novas tecnologias, entre outros temas.

  • Publicidade