Continua após publicidade

Quem é Thay Magalhães, musa do samba investigada por ligação com milícia

Ela chegou a ser funcionária da Prefeitura de Belford Roxo, da Alerj, e de gabinete na Câmara dos Deputados, ao mesmo tempo

Por Redação
4 Maio 2023, 15h09

Ela se formou em odontologia, fez barulho e atraiu holofotes no Carnaval, sempre com o objetivo de crescer e faturar na política. Mas Thaianna Cristina Barbosa dos Santos, de 32 anos, ou apenas Thay Magalhães, tornou-se alvo de investigação de criminosos feita pelo Grupo de Atuação Especializada e Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público e da 48ª DP (Seropédica, no interior do estado).

+ Novo reajuste: ingresso do Jardim Botânico fica mais caro

A força-tarefa policial mostrou que ela, que vinha assumindo sucessivos cargos públicos de forma comissionada, e outros três pré-candidatos, negociaram apoio com o miliciano Danilo Dias, o Tandera, que teve seis integrantes de sua quadrilha presos nesta quarta (3), com acusações de extorsões, homicídios e lavagem de dinheiro.

Compartilhe essa matéria via:

Em outubro de 2018, Thay, já atuava na Prefeitura de Belford Roxo, exercendo o cargo de secretária adjunta por sete meses, depois de ter sido nomeada como secretária parlamentar no gabinete do deputado federal Márcio Labre, em Brasília, eom remuneração bruta de quase R$ 15 mil.

Continua após a publicidade

Em fevereiro de 2019, ela também foi nomeada pelo deputado André Ceciliano como assessora parlamentar, na Alerj – junto à vice-liderança, exercida pelo deputado Alexandre Knoploch. Ela era, ao mesmo tempo, funcionária da Prefeitura de Belford Roxo, da Assembleia Legislativa do Rio e de um gabinete da Câmara dos Deputados, em Brasília.

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Em 2021, Thay ganhou um cargo comissionado na Casa Civil do Governo do Estado, com salário bruto de R$ 8 mil, para o qual não comparecia fisicamente, e foi anunciada como rainha de bateria da Paraíso do Tuiuti, passando a se dedicar aos compromissos da escola. Hoje ela está desligada do governo e da escola de samba.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Tudo o que a cidade maravilhosa tem para te
oferecer.
Receba VEJA e VEJA RIO impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.