Continua após publicidade

Aos 152 anos, Carlos Gomes está pronto para reestreia no cenário cultural

Após 3 anos em obras, teatro reabre dia 1º de julho; Bibi, uma Vida em Musical será primeiro espetáculo em cartaz, seguido de A Cor Púrpura, o Musical

Por Paula Autran
21 jun 2024, 06h00

Aos 152 anos, o Teatro Carlos Gomes, no Centro, se prepara para uma nova estreia. Aberto em 1872, como Casino Franco-Brésilien, oito anos depois foi reformado e passou a se chamar Teatro Santana. Após trocar de dono, em 1905, foi mais uma vez reinaugurado com o nome que guarda até hoje, em homenagem ao mais importante compositor de ópera brasileiro, autor de O Guarani.

+ Mapa da fome: cozinhas comunitárias e restaurantes populares são caminho

+ CEP cobiçado: eleita 8ª rua mais cool do mundo atrai bares e restaurantes

Comprada pela prefeitura em 1988, e em reformas há quase três anos, a casa já tem data e programação para sua nova etapa, com climatização recauchutada, elevadores modernizados e estrutura recuperada. Será no dia 1º de julho, com a 18ª edição do Prêmio APTR, que laureia profissionais dos palcos de todo o Brasil. No dia 25, entra em cartaz o espetáculo Bibi, uma Vida em Musical, seguido de A Cor Púrpura, o Musical.

+ Livro leva a viagem por um mar de histórias da Zona Portuária

Continua após a publicidade

+ Muito além do poá: Cycle Market traz contornos sustentáveis à moda carioca

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

“Tão imponente quanto importante, este espaço das artes cênicas na Praça Tiradentes recebeu o tratamento que merece”, diz o secretário municipal de Cultura, Marcelo Calero, sobre o investimento de 16 milhões de reais. Bravo!

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.