Clique e assine por apenas 4,90/mês

Taxi.Rio não terá mais cobrança de taxa por uso de cartão

Motoristas reclamaram e a prefeitura voltou atrás da decisão. Percentual seria de 6,75% sobre o valor das corridas

Por Redação VEJA RIO - 3 Maio 2018, 17h34

Nesta quarta (2), uma série de reclamações por parte dos taxistas ligados ao aplicativo Taxi.Rio atingiu a decisão da prefeitura de cobrar uma taxa de 6,75% sobre as corridas pagas por cartões. Naquela manhã, a prefeitura havia confirmado que uma empresa tinha vencido uma licitação e passaria a fazer a cobrança em 15 dias.

Após as críticas, o prefeito Marcelo Crivella voltou atrás da decisão e suspendeu a cobrança da taxa que seria aplicada sobre o valor nos cartões de crédito pagos via aplicativo, que é um sistema da prefeitura..

Antes da boa notícia para os amarelinhos, a Associação de Assistência de Motoristas de Táxis do Brasil (AAMOTAB) disse que o prefeito “puxou o tapete” da categoria, já que os motoristas que se cadastraram no aplicativo, que é um sistema da prefeitura, sempre foram informados de que não haveria cobranças.

Publicidade