Continua após publicidade

Mutirão do bem: tartarugas presas em rede de pesca são salvas em Niterói

Remadores e frequentadores da Praia de Charitas participaram do salvamento de um grupo de doze tartarugas-marinhas

Por Redação VEJA RIO Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 1 ago 2023, 13h51 - Publicado em 1 ago 2023, 13h49

Um grupo de doze tartarugas-marinhas foi salvo na manhã desta segunda (31), após ocorrer um mutirão de solidariedade na Praia de Charitas, em Niterói, na Região Metropolitana. Remadores e pessoas que passavam pela orla ajudaram a libertar os animais que estavam presos numa enorme rede de pesca.

+ Virou lei: como vai funcionar cadastro obrigatório de cães e gatos no Rio

O resgate ocorreu por volta das 7h30, quando as tartarugas já estavam cansadas e agonizantes, se debatendo entre os fios das redes. Elas foram vistas por um grupo de remadores que passava em uma canoa. Segundo o instrutor de remo Pierre Calazans, cenas como essas já tinham ocorrido, mas nunca com tantas tartarugas envolvidas.

Compartilhe essa matéria via:

Lançada por pescadores, provavelmente no domingo (30), a rede de tela dupla tinha cerca de 600 metros e bloqueava uma parte da Enseada de São Francisco. Os animais devem ter passado a noite inteira lutando contra os fios para escapar, até a manhã, quando chegou o socorro.

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

O trabalho para liberar todas as tartarugas só terminou às 10h20. Todas foram soltas com vida, sem ferimentos e puderam retornar ao mar. A rede de pesca ilegal foi posteriormente recolhida por Agentes da Guarda Ambiental.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Tudo o que a cidade maravilhosa tem para te
oferecer.
Receba VEJA e VEJA RIO impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.