Clique e assine por apenas 4,90/mês

Sérgio Cabral convoca secretários de fazenda como testemunhas

Julio Bueno e Rodrigo Vieira depõem nesta segunda (13) em defesa do ex-governador

Por Redação Veja Rio - Atualizado em 13 nov 2017, 13h50 - Publicado em 13 nov 2017, 13h48
Antonio Cruz/Agência Brasil

A Justiça ouve nesta segunda (13) o ex-secretário estadual de fazenda Julio Bueno e Rodrigo Vieira, atual ocupante do cargo. Ambos foram convocados como testemunha de defesa pelo ex-governador Sérgio Cabral em processo ligado a atos de corrupção nas obras do Arco Metropolitano e da Linha 4 do metrô.

Os depoimentos serão conduzidos pelo juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal. Baseada em delação premiada feita pela Carioca Engenharia, a denúncia do Ministério Público Federal (MPF) aponta que 10 réus teriam recebido quase R$ 47 milhões para favorecer a empresa em licitações e fazer vista grossa para o superfaturamento de obras públicas.

Os advogados de Cabral alegam que ele não recebeu propina, apenas dinheiro de sobras de campanha. Porém, o MPF afirma que há registros do pagamento de propina via Caixa 2 nas obras do Arco, da Linha 4 e do PAC. De acordo com o órgão, os repasses de R$ 500 mil ao ex-governador teriam sido mensais entre março de 2008 e abril de 2014.

Publicidade