Clique e assine por apenas 3,90/mês

Secretaria de Meio Ambiente promove ação para combater Aedes aegypt

Na terça (1º), dia do aniversário de 451 anos da cidade do Rio, 1152 agentes participam de força tarefa contra mosquito transmissor da dengue, zica e chikunguya

Por Redação VEJA RIO - Atualizado em 5 dez 2016, 11h28 - Publicado em 25 fev 2016, 20h07

Grande vilão do verão carioca, o Aedes aegypti é alvo de força tarefa promovida pela secretaria municipal de Meio Ambiente a partir da próxima terça (1º). O grupo formado por 250 integrantes dos Guardiões dos Rios, 52 membros do Centro de Educação Ambiental, 750 colaboradores do Mutirão de Reflorestamento e 100 agentes da Patrulha Ambiental, entram em ação para combater o mosquito transmissor da dengue, zica e chikunguya.

+ Um batalhão de cientistas junta esforços para combater o Aedes aegypti

Serão promovidas ações de conscientização para auxiliar a população a identificar e eliminar focos do inseto. Os 15 parques naturais da cidade terão vegetação e lagos vistoriados.

+ MP do Rio reúne dados disponíveis sobre combate ao Aedes aegypti

Para evitar a proliferação do mosquito é necessário vistoriar pratinhos de planta e garrafas de água expostas à chuva, além de não deixar água parada ou cisternas e piscinas descobertas.

Continua após a publicidade
Publicidade