Continua após publicidade

Roberto Medina confessa que chorou após show e fala sobre o souvenir de lama

Empresário revela ter ido às lágrimas após apresentação do Queen na sexta (18) e diz que ideia da lembrancinha com lama do Rock in Rio 1985, vendida a 185 reais, foi dele

Por Pedro Moraes
Atualizado em 5 dez 2016, 11h54 - Publicado em 19 set 2015, 23h00

Criador do Rock In Rio, o empresário Roberto Medina parou alguns minutos no camarote VIP para bater um papo com VEJA RIO sobre a sexta edição do evento e contou que se emocionou com o show do Queen na noite de sexta (18). “Fui às lágrimas, mas só em casa. Aqui, aprendi a me controlar. Nos reencontramos depois de 30 anos e o Brian May ainda se lembrava que o teto da minha casa abre”, conta. A principal ausência sentida por ele nesta edição é a da banda AC / DC. “Gostaria muito que eles tivessem vindo desta vez, mas nao houve agenda. Estamos conversando para a próxima, em 2017”. 

+ Camarote dos vipões fica sem vips e Geovanna Tominaga comete gafe

Satisfeito com o resultado do festival até agora, ele considera acertos a nova iluminação e a nova estrutura para a tirolesa. Medina ainda comentou sobre os problemas com o transporte até o evento, noticiados por VEJA RIO. “As pessoas estão reclamando muito. Esta é uma questão de responsabilidade da prefeitura. Espero que tenham resolvido”. Sobre a lama vendida como souvenir por 185 reais, Roberto conta que, por nao aguentar mais as pessoas reclamarem que o festival está muito limpinho, decidiu atender aos pedidos. “Isso foi ideia minha. Comecei a tirar a lama do terreno da Ilha Pura [onde está sendo construída a Vila dos Atletas para a Olimpíada, e antigo endereço do Rock in Rio 1985], mas fui proibido. Decidi ligar então para o dono do lote, que é meu amigo [o empresário Carvalho Hosken], e ele liberou”, conta.

+ Saiba tudo o que está rolando no Rock in Rio 2015

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.