Clique e assine por apenas 4,90/mês

Instalada no Leme, réplica do Cristo Redentor será removida

O calçadão, que é tombado, não pode rceber intervenções sem autorização

Por Redação VEJA RIO - Atualizado em 15 jun 2017, 20h52 - Publicado em 15 jun 2017, 20h50
Divulgação/Veja Rio

A réplica da estátua do Cristo Redentor instalada no Leme no começo do mês está com seus dias contados. Isto porque o Instituto Estadual do Patrimônio Cultural (Inepac) vai notificar a Arquidiocese responsável pelo quiosque onde a réplica se encontra, para que retirem o objeto de 3,8 metros. O calçadão, que é tombado, não pode, segundo o Órgão, receber intervenções sem autorização.

Para Marcus Monteiro, presidente do Inepac, haverá uma reunião na próxima segunda c om representantes do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e do Instituto Rio Patrimônio da Humanidade (IRPH) para definir o prazo para a remoção.

Publicidade