Clique e assine por apenas 4,90/mês

Quarentena: cinco dicas para cuidar da pele em casa

A importância da rotina com o corpo ajuda a saúde física e também mental

Por Bruna Motta - 9 abr 2020, 12h18

Além dos cuidados físicos para se proteger da Covid-19, também é importante manter em dia os hábitos que nos ajudam a manter uma boa autoestima. Para isso, o dermatologista Daniel Coimbra, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, separou cinco dicas simples para cuidar da pele sem precisar sair de casa. Confira abaixo:

+Cinco perfis de “do it youself” para se inspirar durante a quarentena

Esfoliação caseira

Nesse período é muito importante fazer uma esfoliação no rosto, pois a tendência, com o estresse, é aumentar a oleosidade da pele. Além dos esfoliantes que encontramos na farmácia, uma dica preciosa é usar a fórmula antiga feita com mel, abacate e açúcar cristal. Essa mistura deve ser passada no rosto de forma leve uma vez na semana para quem tem a pele mais seca, já para quem tem tendência  a oleosidade, o ideal repetir o processo duas vezes na semana. Após massagear a pele, basta retirar a mistura com água. Mas é importante que o açúcar seja grosso, pois serão os grãos que irão esfoliar a pele com o mel e o abacate.

Continua após a publicidade

Massageie o rosto e beba água

Fazer movimentos e massagens no rosto é importante nesse período, já que estamos acumulando mais líquido por fazer menos exercício. Por isso, esses movimentos irão ajudar a drenar o inchaço do rosto. Outra dica para ajudar no inchaço é beber bastante água, já que por estarmos em casa, muitas vezes acabamos esquecendo.

+ Para receber a VEJA Rio em casa, é só clicar aqui

Lave bem a face

Continua após a publicidade

Uma das primeiras coisa a fazer é tentar controlar a oleosidade excessiva da pele do rosto decorrente do estresse. Como você está em casa, lave o rosto pelo menos duas vezes ao dia, sempre com um sabonete adequado ao seu tipo de pele: se você tem a pele seca, vai ser um produto mais hidratante, se tem a pele mais oleosa, usar produtos mais adstringentes, que podem conter secativos mais fortes, adequados ao seu tipo de pele. A noite, após lavar, pode se usar água termal e após hidratante.

+Quarentena: cinco bares para pedir drinques em casa

Hidrate a pele

É muito importante restabelecer a barreira cutânea e hidratar a pele antes do protetor solar de manhã. Isso pode ser feito usando substâncias antioxidantes, como vitamina C, vitamina E, o ácido ferrúlico e mais algumas substâncias que são antioxidantes. Produtos pró-bióticos vão melhorar a flora bacteriana da pele são extremamente bem indicados nesse período para usar antes do filtro solar.

Continua após a publicidade

+Quarentena: Kleber Mendonça Filho indica dez filmes brasileiros

Use protetor solar com pigmento

Depois de hidratar, deve ser aplicado o filtro solar, que é imprescindível que se use mesmo em casa. Até 20% do envelhecimento da pele é causado por outros tipos de radiação, além dos raios do sol. Diariamente estamos expostos a lâmpadas, claridade, e a tudo que existe hoje em dia dentro de casa. Isso pode estar representando até 20% do envelhecimento da pele e aparecimento de manchas. Por isso é fundamental que nesse período de quarentena se faça o uso de protetor solar, de preferência protetor com pigmento, que vai ter uma proteção maior quando o espectro da luz visível, já que estamos o dia inteiro expostos em frente ao computador, lâmpada, celular, televisão etc. Por isso a proteção é fundamental.

Publicidade