Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Produção carioca é indicada a 6 prêmios em festival mundial de webséries

Exibida no YouTube e com temas ligados ao universo teen, Crush alcançou 300 mil visualizações na rede

Por Da Redação 10 nov 2020, 15h08

A ideia inicial era fazer uma grande produção de teatro musical, mas a falta de um patrocinador fez com que Mariana Azambuja transformasse seu primeiro espetáculo, um musical teen, numa série para a web – touché! Um mês e meio depois de sua estreia, em setembro, Crush, a Websérie, já chegou à marca das 300 000 visualizações no YouTube e, a partir desta quarta (11), disputa seis prêmios no Rio Webfest, um dos maiores festivais de webséries do mundo. “A vontade de contar a história era enorme, eu precisava tirá-la do papel”, diz Mariana, advogada por formação, e em sua primeira experiência no audiovisual.

Carnaval 2021: desfiles podem acontecer entre maio e julho, junto com SP

Dividida em seis episódios com duração média de 20 minutos cada, a série mostra um grupo de amigos de escola às voltas com questões que afligem adolescentes desde que o mundo é mundo – mas numa abordagem que não subestima a sagacidade dos espectadores nem estereotipa os personagens. Discussões de assuntos atuais e suas implicações na vida cotidiana, como o uso dos aplicativos de mensagem, vazamento de nudes, gordofobia e outras formas de preconceito aparecem nos seis episódios, entremeados por número musicais – o repertório vai da banda norueguesa A-ha aos Tribalistas.

Zezé Motta reestreia show com músicas de Caetano Veloso após 30 anos

É uma proposta pretensiosa dentro do quadro nacional. Vemos poucos musicais brasileiros por aí”, diz o ator e editor do projeto, João Conde. Com o curta Querido Tempo, João acaba de colocar na estante de casa o troféu de Melhor Filme do Quarentine Film Challenge, festival online promovido pelo Film Consortium San Diego, nos Estados Unidos, em que concorreu com 1.110 curtas gravados durante a quarentena.

Tivoli Park suspende gratuidade e passa a cobrar R$ 99,99 por pessoa

Idealizada por Mariana Azambuja (que também escreveu o roteiro ao lado de Felipe Junqueira), com direção musical de Lulu Joppert e direção de Rogério Garcia e Yuri Farage, Crush disputa no Rio Webfest as categorias Série Brasileira, Série Infanto-Juvenil, Direção, Elenco, Figurino e Abertura/Créditos.

Continua após a publicidade
Publicidade