Continua após publicidade

Procon Estadual autua 13 restaurantes cariocas

Ação da Operação Boas Novas teve foco em restaurantes especializados em frutos do mar

Por Redação VEJA RIO Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 28 mar 2018, 18h31 - Publicado em 28 mar 2018, 18h00

O Procon Estadual realizou nova etapa da Operação Boa Novas nesta quarta (28). Tendo em vista a Semana Santa, os fiscais vistoriaram 15 restaurantes que têm como especialidade peixes e frutos do mar. A ação ocorreu na Zona Norte, Zona Sul e Zona Oeste da da cidade. Foram autuados 13 estabelecimentos e cerca de 30kg de produtos impróprios ao consumo foram descartados.

O Restaurante A Marisqueira (Rua Barata Ribeiro, 232 – Copacabana) estava com pontos de ferrugem nas prateleiras das câmaras, o batente da porta era de madeira, os ralos não eram sifonados, e havia azulejos e pisos quebrados na área de preparo. Os fiscais deram o prazo de 15 dias para adequação do local. Estavam vencidos 750g de fígado bovino. Sem especificação da data de validade havia 2kg de rabada e 1kg e 700g de frango cozido. O restaurante não apresentou o certificado do Corpo de Bombeiros, nem os cartazes informando a disponibilidade de água filtrada e gratuita para clientes e do Disque 180 – do combate à violência contra a mulher.

Na Zona Oeste, foram encontrados problemas estruturais no restaurante Siri da Barra (Euvaldo Lodi, 65 – Barra da Tijuca). As lixeiras na área da cozinha estavam sem pedal, a câmara de resfriados com pontos de ferrugem na parede, o piso na câmera de congelados era rugoso. Os fiscais deram para o estabelecimento 15 dias para reparo. Entre os produtos vencidos encontrados havia  2kg e 700g de espaguete e 2kg de pastel de queijo.

No Siri do Galeão,  localizado na Praia do Galeão, 1, na Ilha do Governador, estavam vencidas  12 garrafas de molho inglês. No Cachambi, o restaurante Evandro´s (Rua Cachambi, 315) armazenava 3kg de salsichão, 2kg de azeitona e três pastéis de Belém vencidos e não possuía o certificado de potabilidade da água.

Continua após a publicidade

Não foram encontradas irregularidades na Toca da Traíra (Estrada dos Três Rios, 445, na Freguesia) e no Restaurante Nomangue (Rua Coronel Pedro Corrêa, 122, em Jacarepaguá).

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Tudo o que a cidade maravilhosa tem para te
oferecer.
Receba VEJA e VEJA RIO impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.