Clique e assine por apenas 4,90/mês

Procon Estadual autua 13 restaurantes cariocas

Ação da Operação Boas Novas teve foco em restaurantes especializados em frutos do mar

Por Redação VEJA RIO - Atualizado em 28 mar 2018, 18h31 - Publicado em 28 mar 2018, 18h00

O Procon Estadual realizou nova etapa da Operação Boa Novas nesta quarta (28). Tendo em vista a Semana Santa, os fiscais vistoriaram 15 restaurantes que têm como especialidade peixes e frutos do mar. A ação ocorreu na Zona Norte, Zona Sul e Zona Oeste da da cidade. Foram autuados 13 estabelecimentos e cerca de 30kg de produtos impróprios ao consumo foram descartados.

O Restaurante A Marisqueira (Rua Barata Ribeiro, 232 – Copacabana) estava com pontos de ferrugem nas prateleiras das câmaras, o batente da porta era de madeira, os ralos não eram sifonados, e havia azulejos e pisos quebrados na área de preparo. Os fiscais deram o prazo de 15 dias para adequação do local. Estavam vencidos 750g de fígado bovino. Sem especificação da data de validade havia 2kg de rabada e 1kg e 700g de frango cozido. O restaurante não apresentou o certificado do Corpo de Bombeiros, nem os cartazes informando a disponibilidade de água filtrada e gratuita para clientes e do Disque 180 – do combate à violência contra a mulher.

Na Zona Oeste, foram encontrados problemas estruturais no restaurante Siri da Barra (Euvaldo Lodi, 65 – Barra da Tijuca). As lixeiras na área da cozinha estavam sem pedal, a câmara de resfriados com pontos de ferrugem na parede, o piso na câmera de congelados era rugoso. Os fiscais deram para o estabelecimento 15 dias para reparo. Entre os produtos vencidos encontrados havia  2kg e 700g de espaguete e 2kg de pastel de queijo.

No Siri do Galeão,  localizado na Praia do Galeão, 1, na Ilha do Governador, estavam vencidas  12 garrafas de molho inglês. No Cachambi, o restaurante Evandro´s (Rua Cachambi, 315) armazenava 3kg de salsichão, 2kg de azeitona e três pastéis de Belém vencidos e não possuía o certificado de potabilidade da água.

Continua após a publicidade

Não foram encontradas irregularidades na Toca da Traíra (Estrada dos Três Rios, 445, na Freguesia) e no Restaurante Nomangue (Rua Coronel Pedro Corrêa, 122, em Jacarepaguá).

Publicidade