Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Pontos finais de 55 linhas de ônibus do Centro são alterados

Mudança é decorrente da inauguração da primeira rota do Veículo Leve sobre Trilhos, o VLT. Novo ajuste operacional ocorre sete meses após o início da racionalização de ônibus

Por Redação VEJA RIO Atualizado em 5 dez 2016, 11h20 - Publicado em 6 Maio 2016, 17h21

Sete meses após o início da racionalização de ônibus na cidade, a Secretaria Municipal de Transportes realizou as últimas mudanças nas linhas do Centro. A modificação é motivada pela inauguração da primeira rota do Veículo Leve sobre Trilhos, o VLT, prevista para domingo (22). O novo ajuste operacional altera os pontos finais de 55 itinerários municipais e intermunicipais.

+ Afastamento de Eduardo Cunha gera memes nas redes sociais

O Terminal Américo Fontenelle será o novo ponto final das linhas vindas da Baixada Fluminense. Antes, o trajeto acaba na Avenida Presidente Vargas e na Rua Sacadura Cabral. Outra alteração é para os ônibus que vêm da Ponte Rio-Niterói, com pontos na Presidente Vargas, que passarão a fazer as paradas finais na Avenida Marechal Floriano e na Rua Visconde de Inhaúma. Treze linhas municipais serão alteradas, entre elas: 254, 363 e 277, que passam a ter ponto final na Presidente Vargas; 265, 344, 349, 374, 377 e 378, que vão terminar na Rua Santa Luzia; 296 e 298, na Av. Churchill; e 351 e 376, na Praça Pio X.

+ Eduardo Paes pode ser investigado por participação na Lava-Jato

O processo de implantação completa do VLT ocorrerá nos sábados 14 e 21. Outra mudança será a instalação de um boulevard de 600 metros de extensão, entre Nilo Peçanha e Santa Luzia, que servirá como área de circulação de pedestres, em convivência compartilhada com o VLT. 

Continua após a publicidade
Publicidade