Clique e assine por apenas 4,90/mês

Polícia Civil do Rio montará núcleo de investigações de feminicídio

Iniciativa tem o objetivo de combater a violência contra a mulher e, consecutivamente, as mortes com motivação do gênero

Por Marcela Capobianco - 10 mar 2020, 12h50

A Polícia Civil do Rio de Janeiro vai criar um núcleo exclusivo para investigar crimes de feminicídio. As unidades terão policiais capacitados e dedicados a esclarecer os casos de feminicídio, além de uma interação direta com as Delegacias Especiais de Atendimento à Mulher.

A iniciativa tem como objetivo o combate à violência contra a mulher e, consecutivamente, as mortes com motivação do gênero.

+ Mais de 88 mil casos de crimes contra mulheres no Rio em 2019

A lei do feminicídio entrou em vigor em 2015 e configura um agravante do crime de homicídio que pode aumentar a pena no caso da morte da mulher por violência doméstica ou pela discriminação com o fato de a vítima ser mulher.

Em 2019, o estado do Rio de Janeiro registrou 174 novos processos de feminicídio, mais que o dobro do que foi registrado no ano anterior.

Continua após a publicidade
Publicidade