Continua após publicidade

OMS incluirá “distúrbio de games” em lista de doenças da entidade

A inclusão ocorrerá durante a 11ª Classificação Internacional de Doenças (CID)

Por Redação VEJA RIO Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 4 jan 2018, 17h46 - Publicado em 4 jan 2018, 17h46

A Organização Mundial de Saúde (OMS) vai incluir o “distúrbio de games” na lista de doenças da entidade na 11ª Classificação Internacional de Doenças (CID). A condição é caracterizada por um comportamento persistente de preferência dos jogos eletrônicos em detrimento de qualquer outra atividade.

Para diagnosticar a patologia, são necessários 12 meses de acompanhamento do paciente. Os sintomas incluem a perda do controle da frequência, intensidade e duração em que joga videogame.

A décima edição do CID foi publicada em 1992, mas uma reedição sairá agora em 2018. Neste período, alguns países já haviam identificado a condição de vício em games como um problema importante. No Reino Unido, por exemplo, já existem clínicas especializadas no tratamento da doença.

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Tudo o que a cidade maravilhosa tem para te
oferecer.
Receba VEJA e VEJA RIO impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.