Clique e assine com até 65% de desconto

Mostra comemora 60 anos de rede de restaurantes nascida no Leblon

Filial da Barra exibe cardápios originais e outros itens que contam a história do La Mole

Por Rafael Sento Sé 17 nov 2017, 07h00
Acervo La Mole/Divulgação

Distante da fervilhante Copacabana, o Leblon em 1957 era um pacato arrabalde repleto de casas, com ares de cidade de veraneio. Foi ali no finalzinho do bairro, na Rua Dias Ferreira (foto), que o italiano Domenico Magliano abriu as portas da primeira unidade do hoje sessentão La Mole. Seu incomparável medalhão com arroz à piemontês e o sortido couvert, clássicos do cardápio, fixaram-se na memória gustativa dos cariocas, que ainda fazem fila para o almoço de família nos fins de semana. Parte dessa história está contada na filial da Barra: os originais de Redi que ilustravam o cardápio da década de 70 enfeitam as paredes. Atualmente, quem comanda o negócio com seus dezessete endereços são os descendentes do cearense Francisco Rego (75), que começou a trabalhar com Magliano aos 16 anos.

Publicidade