Clique e assine por apenas 4,90/mês

Jornalista do New York Times que criticou o biscoito Globo agora quer lucrar com a polêmica

Em troca de e-mails com VEJA RIO, David Segal se convida a escrever um artigo (remunerado) sobre o furor que sua reportagem provocou entre os brasileiros

Por Daniela Pessoa - Atualizado em 2 jun 2017, 12h00 - Publicado em 16 ago 2016, 18h53

Definido como “O Rio de Janeiro em forma de biscoito de polvilho – sem glúten”, na segunda edição do guia Carioca de A a Z, escrito pelo publicitário André Eppinghaus, o tradicional biscoito Globo foi avacalhado por um jornalista americano no último sábado (13), em uma reportagem no The New York Times, o mais influente jornal de língua inglesa. No texto, David Segal, que visitou a fábrica e provou o petisco, afirma que se trata de um lanche “sem gosto”, “símbolo perfeito do Rio – uma cidade em que o cenário de restaurantes é ‘meh’”. Por fim, detonou a culinária carioca, como um todo, citando-a como um “segredo infeliz” do Rio. As opiniões do americano enfureceram não apenas dos cariocas, mas os brasileiros, que se sentiram ofendidos e transformaram a internet num campo de batalha de memes e críticas à reportagem.

Nem mesmo chefs renomados se furtaram à disputa. Roberta Sudbrack, gaúcha radicada no Rio e dona do restaurante homônimo, no Jardim Botânico, que tem uma estrela no Guia Michelin, se manifestou através de seu perfil no Instagram: “Como uma carioca por adoção, deixo aqui o meu apoio ao @biscoitogloborj! Não se mexe com ícones culturais de um povo! Ainda mais os gastronômicos! Tudo é subjetivo! Mas, de Biscoito Globo o nosso afetivo entende! Biscoito Globo We Love It!”, escreveu.

Procurado por VEJA RIO para comentar a repercussão de seu texto no Brasil, o jornalista americano destilou o mesmo sarcasmo que demonstrou em seu artigo. “Uau, quantas perguntas! Eu estaria disposto a respondê-las, mas a escrita é o que eu faço para viver. O que quer dizer que eu sou pago para isso. Ficaria feliz em considerar escrever um ensaio para vocês, se entrarmos num acordo”, respondeu a VEJA RIO por e-mail.

O jornalista americano David Segal, do New York Times: tentativa de capitalizar em cima de polêmica do biscoito Globo (Foto: Reprodução / Youtube / canal Bloomberg Law)
O jornalista americano David Segal, do New York Times: tentativa de capitalizar em cima de polêmica do biscoito Globo (Foto: Reprodução / Youtube / canal Bloomberg Law)
Publicidade