Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Homem acusado de infectar mulheres com HIV se entrega à Justiça

Renato Peixoto Leal Filho estava foragido desde o dia 30 de maio

Por Renata Magalhães 4 jul 2017, 18h04

Acusado de infectar mulheres com o vírus do HIV intencionalmente, Renato Peixoto Leal Filho, de 46 anos, entregou-se no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro na noite de segunda (3). Um mandado de prisão preventiva foi expedido contra ele no dia 30 de maio, por lesão corporal grave e tentativa de lesão corporal, mas Peixoto não foi encontrado e, por conta disso, passou ser considerado foragido. Nesta quarta (5), às 15h20, está agendada audiência de instrução e julgamento do caso.

Portador do vírus, o homem é acusado de fazer sexo sem proteção com mulheres e de não avisá-las de sua condição, o que teria acontecido repetidas vezes por vários anos. Segundo o Tribunal de Justiça, ele se apresentou acompanhado por seu advogado no cartório da 19ª Vara Criminal da Capital. Ele foi orientado a comparecer na 5ª DP (Mem de Sá), onde foi preso.

Publicidade