Clique e assine por apenas 4,90/mês

Evento para apoiar sírio hostilizado já tem 38 mil interessados

A reunião intitulada "Comer esfiha na barraca do Mohamed" vai acontecer neste sábado (12), das 9h às 18h

Por Redação VEJA RIO - Atualizado em 9 ago 2017, 17h07 - Publicado em 9 ago 2017, 17h05
Mohamed Ali curtindo o Réveillon carioca Reprodução/Reprodução

O evento no Facebook “Comer esfiha na barraca do Mohamed” já possui mais de nove mil pessoas confirmadas e vinte e nove mil interessadas. Para quem não lembra, Mohamed é um refugiado sírio, bacharel em direito e vendedor de comidinhas árabes, que foi hostilizado na Rua Santa Clara, em Copacabana, na semana passada. Em um vídeo gravado durante o ataque, é possível ver um homem gritando “Saia do meu país!” para o sírio, enquanto portava um pedaço de pau.

A reunião, que vai acontecer neste sábado (12), das 9h às 18h, foi organizado pelo analista de tecnologia Everson Martins que, mesmo sem conhecer o homem, se comoveu com o caso. Agora basta saber se Mohamed vai ter esfihas suficientes para todo mundo. Para confirmar presença no evento clique aqui.

Publicidade