Clique e assine por apenas 4,90/mês

Eleições para diretores de escolas são oficializadas no Rio

Até então indicada pela própria secretaria, a direção das unidades passará a ser eleita de forma democrática 

Por Agência Brasil - Atualizado em 5 dez 2016, 10h59 - Publicado em 19 out 2016, 16h46

A Secretaria Estadual de Educação do Rio de Janeiro (Seeduc) atendeu a recomendações da Defensoria Pública (DPRJ) e do Ministério Público do estado (MPRJ) e oficializou a mudança na forma de escolha dos diretores e diretores adjuntos de todas as escolas da rede pública do estado.

+ Eduardo Cunha é preso nesta quarta (19) em Brasilía 

Até então indicada pela própria secretaria, a direção das unidades passará a ser eleita de forma democrática, com a participação de professores, alunos, pais e servidores, por meio de voto. A comunidade escolar também vai participar da organização do pleito. A eleição direta para os cargos era uma das reivindicações dos estudantes que ocupam escolas do estado desde março.

A mudança foi oficializada após diversas reuniões realizadas pela Defensoria e pelo MPRJ com os estudantes e publicada no Diário Oficial do estado. A última ocorreu no dia 5 de outubro e resultou na recomendação feita pelas instituições à Seeduc.

 

Publicidade