Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Debochadas, Rita Lobo e Ana Maria Braga postam receita de leite condensado

Apresentadora cutuca Governo Federal e ensina a fazer o doce, 'ao invés de gastar 15 milhões'; seguidora de Bolsonaro manda chef paulista 'catar coquinho'

Por Cleo Guimarães Atualizado em 27 jan 2021, 12h44 - Publicado em 27 jan 2021, 12h43

Atentas às denúncias relacionadas ao Governo Federal, Ana Maria Braga e Rita Lobo usaram suas redes sociais para postar receitas com leite condensado, além de ensinar a fazer em casa o ingrediente – que consumiu mais de 15 milhões de reais dos cofres públicos em 2020, segundo levantamento publicado pelo site Metrópoles. “A pedidos: uma receita de leite condensado caseiro, para você fazer ao invés de gastar R$ 15 milhões comprando”, escreveu a apresentadora do Mais Você, em sua conta no Twitter.

Efeito BBB: Fiuk cresce mais de 300% no streaming ao entrar no programa

Rita Lobo foi chamada de “chata”, “urubu” e “antipática” por uma seguidora, que também ressuscitou a antiga expressão “vai catar coquinho” ao rebater as críticas da chef aos gastos do governo com supérfluos – chicletes, bombons e refrigerantes também fazem parte da lista. “Boneca, nem todos entendem ironia. Peço desculpas, falha minha. São cerca de 7 mil latas de leite condensado por dia, todos os dias, inclusive sábado e domingo, por ano. Em outros tempos, isso era chamado de: corrupção”, escreveu Rita.

Búzios: Ladrão de casas é preso em Geribá roubando enquanto família dormia

Ela, aliás, contou que vem recebendo conselhos para não fazer mais ironias-político-culinárias em suas redes (e a apresentadora já mostrou que é boa nisso: Com Queiroz preso, Rita Lobo vira a rainha da ironia no Twitter ). “Estou tentando parar, mas fica difícil”, explicou, antes de anexar o link com várias receitas que levam leite condensado entre os ingredientes.

O tweet de Ana Maria Braga teve quase 300 000 curtidas até a manhã desta quarta – mas comentários se dividiram entre críticas e elogios à sua atitude:

Continua após a publicidade
Publicidade