Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Novas pistas no Centro, Barra e Ipanema: Rio quer ter 942 km de ciclovias

Meta é para ser conquistada até 2024, alcançando 266 estações de metrô, trem, BRT, barcas e VLT; hoje cidade tem malha cicloviária de 450 km

Por Da Redação 26 Maio 2022, 12h31

Novas rotas cicloviárias começam a facilitar a conexão de cariocas com o transporte público. A implantação das faixas, que começou pelo Centro, agora chega a ruas da Barra e de Ipanema. A medida, implementada pela CET-Rio, está alinhada ao Plano Estratégico 2020-2024 e prevê alcançar 266 estações de metrô, trem, BRT, barcas e VLT, aumentando a malha atual de ciclovias em cerca de 400 quilômetros. A meta é alcançar alcançar 942 km de ciclovias até 2024. A malha cicloviária da cidade atualmente conta com cerca de 450 Km.

+ Após quatro anos de obras, Convento do Carmo abre as portas na quinta (27)

Segundo a prefeitura do Rio, até o fim do ano, as novas rotas passarão por 54 estações que não têm conexão com a rede existente de ciclovias. No Centro, as faixas foram pintadas entre a Central do Brasil e a Orla Conde, passando pelas avenidas Marechal Floriano e Visconde de Inhaúma, e seguem na área portuária, nas ruas Barão de Tefé e Camerino, onde é grande o fluxo de bicicletas e triciclos de carga, usados na prestação de serviços.

O desenho da rota do Centro foi baseado numa pesquisa feita em parceria com o Instituto de Políticas de Transporte e Desenvolvimento (ITDP), a Transporte Ativo e o Labmob, sobre o perfil e a quantidade de bicicletas que circulam na região. No estudo ficaram evidentes os pontos de maior demanda e a Rua Camerino foi revelada como um dos principais acessos para quem pedala na área.

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Na Barra, as primeiras rotas passam pelas avenidas Afonso Taunay, Jornalista Ricardo Marinho, Gastão Senges e Felicíssimo Cardoso. Em Ipanema, foram iniciadas nas ruas Joana Angélica e Maria Quitéria.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Saiba tudo o que acontece na Cidade Maravilhosa. Assine a Veja Rio e continue lendo.

Impressa + Digital

Plano completo da Veja Rio! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da Veja Rio, diariamente atualizado.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas do Rio.

Receba mensalmente a Veja Rio impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet

a partir de R$ 12,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas do Rio.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)