Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Casas Casadas recebem nova programação a partir do dia 22

Os jardins do imóvel serão palco, em edições semanais, de apresentações musicais e espetáculos de contadores de histórias

Por Rafael Sento Sé Atualizado em 9 out 2017, 15h38 - Publicado em 6 out 2017, 18h56

A promessa de transformar o espaço em centro cultural, com cinema e outras atrações, é recorrente, mas, até agora, infrutífera. Em projeto de 2012, seis salas de exibição anunciadas não prosperaram, e o Espaço Rio Carioca, simpático café com livraria e programação de shows, teve vida curta. Belo conjunto arquitetônico tombado, construído no fim do século XIX, as Casas Casadas, em Laranjeiras, sediam a RioFilme, empresa da prefeitura que atua na área audiovisual. Marco Aurélio Marcondes, o atual presidente da instituição, vai tentar de novo. Os jardins do imóvel serão palco, em edições semanais, a partir do dia 22, de apresentações musicais e espetáculos de contadores de histórias. O projeto Domingo nas Casas tem previsão de seguir até fevereiro. Na programação já estão confirmadas a Camerata Laranjeiras, na abertura, e a Orquestra Maré do Amanhã, no fim de semana seguinte — dois grupos, aliás, que são belos exemplos de conexão entre favela e asfalto.

Publicidade