Continua após publicidade

Câmara dos Vereadores rebatiza o Boulevard Rio Branco

O trecho que vai da avenida Nilo Peçanha até a avenida Presidente Wilson agora é chamado de Boulevard Luiz Severiano Ribeiro

Por Carol Zappa
Atualizado em 20 mar 2017, 18h16 - Publicado em 20 mar 2017, 16h50
Cinelândia
Cinelândia (Redação Veja rio/Divulgação)

Figura importante para a história das salas de cinema no país, o cearense Luiz Severiano Ribeiro (1886-1974) agora dá nome ao trecho da Avenida Rio Branco que vai da avenida Nilo Peçanha até a avenida Presidente Wilson, no centro da cidade. O agora Boulevard Luiz Severiano Ribeiro perpassa a Cinelândia, praça que foi criada a partir de um projeto do empresário com o espanhol Francisco Serrador.

O Projeto de Lei nº 2.025/2016, do Dr. João Ricardo (PMDB), tinha sido vetado pelo então prefeito Eduardo Paes, mas foi derrubado na última sexta-feira (17), na Câmara Municipal. Assim, o nome do passeio público – legado deixado pelas obras realizadas para os Jogos Olímpicos Rio 2016 – já atende pelo novo nome.

Coração da cidade, a Cinelândia é cercado por prédios históricos e emblemáticos: a Biblioteca Nacional, o Theatro Municipal, o Centro Cultural da Justiça Federal e o o Cine Odeon, que desde 2016 também abriga o Centro Cultural Luiz Severiano Ribeiro, onde acontecem mostras e festivais cinematográficos. O Odeon foi o primeiro espaço cinema próprio arrendado pelo empresário, que mudou-se para o Rio de Janeiro em 1926, aos 30 anos. “O trabalho de Severino Ribeiro ia além da exibição, revelação, distribuição e publicidade dos filmes”, destaca Dr. João Ricardo.

 

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Tudo o que a cidade maravilhosa tem para te
oferecer.
Receba VEJA e VEJA RIO impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.