Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Cabral aguarda transferência para Mato Grosso do Sul

Departamento Penitenciário Nacional (Depen) afirma que a transferência será realizada nos próximos dias, mas não divulga data "por motivos de segurança"

Por Redação VEJA RIO 30 out 2017, 15h16

Ainda preso na Cadeia Pública José Frederico Marques, em Benfica, o ex-governador Sérgio Cabral aguarda transferência para o Presídio Federal de Campo Grande, em Mato Grosso do Sul. No último sábado, Cabral recebeu novamente a visita de familiares, entre eles seu filho, o deputado Marco Antônio Cabral (PMDB-RJ), que já foi denunciado por visitas irregulares ao pai.

Tentando impedir a mudança, a defesa do ex-governador teve o pedido de habeas corpus negado pelo juiz Marcelo Bretas, que teve sua decisão motivada por considerar como ameaça a menção de Cabral à sua vida privada durante o interrogatório. Na ocasião, Sérgio Cabral afirmou que a família do magistrado tinha uma loja de bijuterias no Saara. Sem confirmar a data, o Departamento Penitenciário Nacional (Depen) afirmou em nota que a transferência será realizada nos próximos dias.

Como não há rotas comerciais diretas do Rio para Campo Grande, ainda não se sabe se a transferência será feita em avião da Polícia Federal ou em voo comercial com escalas.

  • Publicidade