Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Assassino da estudante Ana Beatriz Frade é preso

A adolescente de 17 anos foi vítima de um arrastão neste sábado (7). Douglas Paiva Santos Ventura da Silva, 18 anos, confessou o crime e foi detido neste domingo (8)

Por Redação VEJA RIO Atualizado em 5 dez 2016, 11h20 - Publicado em 9 Maio 2016, 21h21

Vítima fatal de um arrastão na Linha Amarela, na altura de Del Castilho, a estudante Ana Beatriz Frade, de 17 anos, é mais uma representante da violência vivenciada no Rio de Janeiro. Morta no último sábado (7), um dia antes do Dia das Mães, a adolescente foi baleada durante uma tentativa de assalto. Suspeito de assassinar Ana, Douglas Paiva Santos Ventura da Silva, 18 anos, teve a prisão decretada pela Justiça e foi preso neste domingo (8).

+ Disputa por bens marca o fim do casamento de empresário e advogada

Douglas prestou depoimento na sede da Divisão de Homicídios e confessou o crime ocorrido na BR-040. A Polícia Civil investiga se há outros envolvidos no latrocínio, crime em que há roubo seguido de morte.

+ Multas de trânsito terão reajuste de até 66%

A adolescente foi alvejada na cabeça como retaliação à tentativa de fuga do padrasto de Ana, que estava no carro com ela. Autor dos disparos, Douglas foi detido na comunidade Fernão Cardim, em Pilares, junto com dois menores de 17 anos que também participaram do arrastão, e levado para a 44ª Delegacia de Polícia, em Inhaúma.

+ Pontos finais de 55 linhas de ônibus do Centro são alterados

Continua após a publicidade
Publicidade