Clique e assine por apenas 7,90/mês

Agressores de médico esfaqueado no Leblon têm prisão preventiva decretada

Atriz Bianca Nery, de 22 anos, desferiu duas facadas no endocrinologista Fabiano Serfaty, de 34, enquanto a vítima era segurada por Lucas Silveira da Costa, de 26

Por Daniela Pessoa - Atualizado em 2 jun 2017, 12h08 - Publicado em 2 maio 2016, 22h21

Acaba de ser decretada pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, na noite desta segunda (2), a prisão preventiva de Lucas Silveira da Costa, de 26 anos, e Bianca Nery, de 22, o casal que agrediu e esfaqueou o médico Fabiano Serfaty, de 34 anos, na madrugada do dia 1º de abril, no Leblon, próximo à padaria Rio Lisboa.

processo

processo

O casal teve a prisão temporária decretada no dia 3 de abril e foi encaminhado para o Complexo Penitenciário de Bangu já no dia seguinte, onde permanecerão presos até serem julgados. “O advogado de defesa da Bianca chegou a pedir o habeas corpus, mas foi negado pelo juiz. Agora está nas mãos da justiça definir a pena. O trabalho da polícia terminou”, afirma o delegado Pedro Casaes, da 14ª DP, braço direito da delegada-titular Monique Vidal.

+ Mulher que esfaqueou médico no Leblon é atriz e animava festas infantis


Bianca Nery: jovem atriz que esfaqueou médico no Leblon animava festas infantis
Bianca Nery: jovem atriz que esfaqueou médico no Leblon animava festas infantis

Em relatório de cinco páginas enviado ao Ministério Público na última sexta (29), elaborado ao longo dos 30 dias em que Bianca e o namorado ficaram em prisão temporária, o delegado pediu a prisão preventiva de ambos por tentativa de homicídio qualificado por motivo fútil.

Durante o inquérito, a equipe da polícia civil ouviu, além dos agressores e da própria vítima, testemunhas identificadas através das câmeras de segurança do local, como o segurança da padaria Rio Lisboa, e pessoas que estavam com o médico antes do crime. “A Bianca alegou que vinha andando do Baixo Gávea até o Leblon, por volta de duas da manhã, quando o Fabiano teria começado a importuná-la no meio do trajeto. Mas descobrimos que o médico deixou o restaurante onde estava com amigos, no Jockey, bem mais tarde do que isso, às 3h15”, afirma o delegado.

A ex-namorada de Lucas Silveira da Costa, que havia dado parte há um mês por ter sido ameaçada por ele e Bianca, também foi ouvida. “Descobrimos que, no dia em que o Fabiano foi atacado, a Bianca havia ameaçado a moça de novo, minutos antes, com a mesma faca com que desferiu os golpes no médico. Era uma faca grande, de cabo de madeira”, revela Casaes.

Os delegados Monique Vidal e Pedro Casaes: agora está nas mãos da justiça definir a pena
Os delegados Monique Vidal e Pedro Casaes: agora está nas mãos da justiça definir a pena
Publicidade