Clique e assine por apenas 4,90/mês

Aeroportos do Rio têm esquema especial para a Jornada Mundial da Juventude

Até o dia 31 de julho, peregrinos terão atendimento e sinalização trilíngue, além de área especial com internet grátis

Por Thaís Meinicke - Atualizado em 5 dez 2016, 14h20 - Publicado em 15 jul 2013, 19h12

Parte dos problemas que assomam os usuários dos aeroportos do Rio de Janeiro serão solucionados – pelo menos enquanto a cidade receber a Jornada Mundial da Juventude. Na última semana foi anunciado um esquema especial de funcionamento para receber os peregrinos que virão ao encontro católico, que acontece entre os dias 23 e 28 de julho. A operação, que acontece até o dia 31, foi planejada com base na experiência de eventos anteriores, como o Rio+20 e a Copa das Confederações. Entre as medidas, está um aumento de 30% no número de funcionários das áreas de operações, segurança, manutenção e atendimento nos aeroportos Santos Dumont e Tom Jobim.

Os peregrinos que desembarcarem nos aeroportos da cidade serão atendidos por funcionários trilíngues e haverá a instalação de placas de sinalização em português, inglês e espanhol. No setor C do terminal 1 do aeroporto Tom Jobim, haverá ainda um espaço que funcionará durante 24h até o fim do mês, com praça de alimentação, banheiros, acesso gratuito à internet e pontos de autoatendimento aos peregrinos. Um ônibus especial fará o transporte dos passageiros do terminal 2 para o 1.

A Secretaria de Aviação Civil prevê que cerca de 70 mil pessoas desembarquem na cidade durante o evento, número que representa um aumento de 60% em relação à circulação média dos aeroportos.

Publicidade