Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Vinoteca Por Marcelo Copello, jornalista e especialista em vinhos Marcelo Copello dá dicas sobre vinhos

Champagne ou Prosecco?

Por Marcelo Copello   É inimaginável um réveillon sem champagne, inconcebível um pódio de Fórmula 1 sem champagne, incompleto um casamento sem champagne, imperdoável qualquer celebração sem champagne. Champagne é alimento básico da alma, ração essencial da felicidade. Peço vênia aos nutrólogos para dizer que: alimentação balanceada é uma taça de champagne em cada mão!   Entramos […]

Por marcelo Atualizado em 25 fev 2017, 17h16 - Publicado em 11 dez 2016, 11h10
Por Marcelo Copello

 

É inimaginável um réveillon sem champagne, inconcebível um pódio de Fórmula 1 sem champagne, incompleto um casamento sem champagne, imperdoável qualquer celebração sem champagne. Champagne é alimento básico da alma, ração essencial da felicidade. Peço vênia aos nutrólogos para dizer que: alimentação balanceada é uma taça de champagne em cada mão!

 

Entramos em dezembro, o mês do ano em que mais se consome espumantes. Por isso nos próximos posts vamos esclarecer algumas dúvidas.

 

champa 2

 

Primeiro: só chamamos de champagne os espumantes feitos na região de Champagne na França. E Prosecco? Este é o nome de um espumante feito com uma uva chamada Glera, em uma região demarcada na Itália. Na Espanha por exemplo, existe o CAVA, espumante feito com uvas locais em regiões demarcadas. O nome digamos “genérico” é espumante, que serve para todos os vinhos que borbulham.

Leia também: A história da doçura do Champagne

Continua após a publicidade
Publicidade