Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Teatro de Revista Por Blog Por trás dos panos: reportagens, entrevistas e novidades sobre a cena teatral carioca

Os Camaleões Pedro Bial, Luiz Petry e Claufe Rodrigues voltam aos palcos

Fenômeno dos anos 80, o grupo se reúne no palco do Sesc Copacabana

Por Renata Magalhães Atualizado em 5 jul 2018, 14h30 - Publicado em 5 jul 2018, 14h29

Fenômeno na década de 80, o grupo Os Camaleões – formado por Claufe Rodrigues, Luiz Petry e Pedro Bial – se reúne para uma apresentação única no dia 12, no Sesc Copacabana. Como de hábito, o trio apresentará novos trabalhos no espetáculo A Poesia Está Muito Acima – Tributo aos Camaleões, para mostrar que um “camaleão” nunca para no tempo. A homenagem contará com as participações da escritora e cantora Mônica Montone, os poetas Mano Melo, Alexandra Maia e Paulo Sabino, o crítico Antonio Carlos Secchin e o editor Sergio Cohn. Na trilha, Décio Daniel cuida da percussão e Kiko Chaves domina violão e guitarra.

O coletivo surgiu em 1984, após o desaparecimento da poesia no cenário cultural brasileiro, em um momento de cansaço e renovação de linguagem. Para falar de um Brasil que surgia dos escombros da ditadura militar, o trio fez uma série de recitais no Bar Botanic, point do Jardim Botânico, despertando a curiosidade sobre aqueles rapazes. Por conta de sua irreverência e ousadia, um novo e diversificado público passou a consumir o gênero literário. A obra foi imortalizada no Livro dos Camaleões, em 1985, que teve sua primeira edição esgotada rapidamente e nunca mais foi reeditado, tornando-se verdadeira raridade.

Sesc Copacabana. Rua Domingos Ferreira, 160, Copacabana. Dia 12 de julho, 20h30. R$ 30,00.

 

Continua após a publicidade
Publicidade