Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Histórias do futebol carioca Por Blog

Os técnicos que mais duraram nos quatro grandes

No último domingo o Manchester United festejou os 25 anos de Alex Ferguson à frente do time. Uma marca impressionante. Nem Joel Santana, se somar todas as suas passagens pelos quatro grandes do Rio, consegue ter 25 anos como técnico carioca. As passagens mais duradouras de alguns técnicos, no passado distante e no passado recente, […]

Por Bruno Salles Atualizado em 25 fev 2017, 19h32 - Publicado em 9 nov 2011, 00h23

No último domingo o Manchester United festejou os 25 anos de Alex Ferguson à frente do time. Uma marca impressionante. Nem Joel Santana, se somar todas as suas passagens pelos quatro grandes do Rio, consegue ter 25 anos como técnico carioca.

As passagens mais duradouras de alguns técnicos, no passado distante e no passado recente, em cada um dos quatro grandes foram:

Botafogo: Nicolas Ladanyi, de 1930 a 1933; Carlito Rocha, de 1936 a 1939; Zagallo, de 1967 a 1970; Cuca, quase dois anos, de 2006 a 2008, com intervalo de 3 jogos, em 2007, sob o comando de Mário Sérgio.

Flamengo: Flávio Costa, de 1938 a 1945, entre outras; Coutinho, de 1976 a 1977, e de 1978 a 1980, saindo para comandar a seleção brasileira na Copa da Argentina; Lazaroni, um ano e meio entre 1985 a 1987; Carlinhos, um ano e meio entre 1991 a 1993, entre outras.

Fluminense: Ondino Vieira, de 1938 a 1942, entre outras; Zezé Moreira, de 1958 a 1962, entre outras; Carlos Alberto Parreira, pouco mais de um ano, de 1999 a 2000, entre outras; Renato Gaúcho, pouco mais de um ano, de 2007 a 2008, entre outras.

Vasco: Harry Welfare, de 1927 a 1937, maior período de um técnico à frente de um grande carioca; Flávio Costa, de 1947 a 1950 e de 1953 a 1956; Mario Travaglini, de 1972 a 1975; Antônio Lopes, de 1996 a 2000, entre outras.

Continua após a publicidade

Publicidade