Clique e assine por apenas 4,90/mês
Fabiano Serfaty Por Fabiano M. Serfaty, clínico-geral e endocrinologista, MD, MSc Saúde, prevenção, tratamento, dieta, bem-estar, tecnologia, inovação médica e inteligencia artificial com base em evidências científicas

Campanha busca apoio para projeto social na Maré

O Instituto Vida Real, que atua no apoio escolar a jovens e suas famílias, precisa de 60 000 reais para manter as portas abertas

Por Fabiano Serfaty - Atualizado em 28 jun 2017, 19h25 - Publicado em 28 jun 2017, 19h21
Imagem da campanha: #FicaVidaReal Divulgação/Divulgação

Criado pelo ex-traficante e assaltante Sebastião Araujo (Tião) há quase 12 anos, o projeto social Vida Real é um projeto social que tem como objetivo evitar que os jovens da Maré se envolvam com o tráfico e a violência, gerando, portanto, outras oportunidades como aulas de informática, grafite, música, fotografia e reforço escolar, entre outras atividades, quando não estão no turno escolar.

Fato é que, devido à situação econômica do estado, que apoia a ONG, está difícil levar a filantropia adiante. Então, uma campanha de financiamento coletivo está em cartaz a fim de arrecadar 60 000 reais para o local. A quem não conhece a história, abaixo mais detalhes. Antes, porém, vale deixar aqui o link para ajudar o #FicaVidaReal.

Sua bela iniciativa atende atualmente 240 jovens entre 12 e 17 anos matriculados na rede pública de ensino. Tião, como é conhecido por lá, vai além: oferece apoio psicológico e preparação para escolas técnicas aos jovens que moram na comunidade da Maré, onde muitos se envolvem com drogas ou com o tráfico. Ao longo de sua jornada à frente do Instituto Vida Real, já passaram 3 200 jovens, dos quais 2.720 deixaram de entrar no crime.

Nos últimos três anos, seis alunos ganharam bolsas de estudo para cursar o ensino médio do Colégio Santo Inácio, em Botafogo, oito ingressaram no mercado de trabalho e três abandonaram as atividades que desempenhavam no tráfico de drogas da Maré graças ao apoio da instituição. Com a crise econômica, está cada vez mais difícil manter as portas abertas. Por isso, que tal ajudar? Faltam apenas 2 dias e quase 25% pra atingir a meta! Vamos colaborar!

Continua após a publicidade
Publicidade