Clique e assine por apenas 4,90/mês
Fabiane Pereira Por Fabiane Pereira, jornalista

Novidades sonoras nas ondas do rádio

Programa idealizado pela jornalista e produtora pernambucana Verônica Pessoa vai apresentar aos ouvintes músicas do mundo

Por Fabiane Pereira - Atualizado em 8 jul 2020, 12h45 - Publicado em 8 jul 2020, 12h28

Estreia na próxima quinta, dia 16 de julho, às 21h, na rádio Frei Caneca FM, de Recife (PE), o programa Cenas do Mundo. Idealizado e apresentado pela jornalista e produtora cultural Verônica Pessoa, pernambucana radicada em Paris, o Cenas do Mundo vai levar aos ouvintes, semanalmente, as novidades e curiosidades sonoras de diversos países. Além do dial, o programa também será disponibilizado online e poderá ser ouvido nos quatro cantos do planeta. O produtor musical Diogo Strausz, que recentemente foi notícia nessa coluna, assina as vinhetas do programa que contaram com a participação especial de Russo Passapusso, vocalista e compositor da banda Baiana System.

 

Continua após a publicidade

Conheço Verônica tempo suficiente pra dizer que seu novo programa é daqueles imperdíveis. Na estreia, a jornalista traz a música francesa como fio condutor da programação. Sabe-se que a França é um país com tradição em misturar culturas e também é, na terra de Emmanuel Macron, o lugar onde se encontram pessoas de todas as partes do mundo. “É claro que músicas brasileiras com conexão direta a playlist apresentada também estarão na programação. Além disso, vamos tocar em primeira mão o single inédito da cantora francesa Laurie Briard, composição do paulistano Sessa”, conta animada Verônica.

Diogo Strauzs/Divulgação

 

Continua após a publicidade

Do seu estúdio caseiro, a jornalista vai gravar todos os programas desta primeira temporada. O Cenas do Mundo pretende promover a difusão da música de diversas partes do planeta traçando um paralelo com a música brasileira, através de uma pesquisa intensa de referências e influências. Verônica é uma garimpeira de variedades então pode-se esperar também uma programação eclética com o propósito de construir pontes e ampliar os horizontes da empatia e do encontro em tempos de tantas arbitrariedades.

 

Continua após a publicidade

“A pesquisa e conhecimento da cultura de outros países, além de curioso e enriquecedor, é também um caminho de descoberta de nossas próprias raízes e de comunicação com ambientes diferentes dos nossos. O Cenas do Mundo pretende pontuar as semelhanças e entender as diferenças dos cinco continentes através da variedade sonora”, explica.

Ouvir rádio ainda é um dos melhores escapismos para tempos de cólera. Fica a dica.

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade
Publicidade