Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Confesso que Comi Por Blog Blog de gastronomia

Maravilhas gastronômicas

  Na noite da última quinta (3), o prêmio Maravilhas Gastronômicas do Estado do Rio de Janeiro – 2015 revelou os vencedores do ano numa festa realizada no Palácio Guanabara, sede do governo fluminense. Apresentada pela atriz Juliana Martins e a chef Flávia Quaresma, a premiação condecorou doze iguarias produzidas no estado em diferentes categorias […]

Por fabiocodeco Atualizado em 25 fev 2017, 17h44 - Publicado em 5 dez 2015, 00h50

 

O governador Pezão: abriu a cerimônia e prometeu sancionar a lei estadual que estabelece a gastronomia como cultura

O governador Pezão abriu a cerimônia e prometeu sancionar a lei estadual que estabelece a gastronomia como cultura

Na noite da última quinta (3), o prêmio Maravilhas Gastronômicas do Estado do Rio de Janeiro – 2015 revelou os vencedores do ano numa festa realizada no Palácio Guanabara, sede do governo fluminense. Apresentada pela atriz Juliana Martins e a chef Flávia Quaresma, a premiação condecorou doze iguarias produzidas no estado em diferentes categorias (confira alista completa abaixo). Foram mais 130 indicados, provenientes de 50 municípios. Barraquinhas dos produtores ofereciam provinhas das guloseimas indicadas, enquanto os garçons serviam cerveja e cachaças que entraram na disputa.

Barraquinhas ofereciam provinhas dos produtos indicados ao prêmio

Barraquinhas ofereciam provinhas dos produtos indicados ao prêmio

A organização também concedeu prêmios especiais ao Grupo de Produtores Orgânicos do Brejal, pioneiro em produção orgânica no Estado, na categoria Instituição, e a chef Teresa Corção, proprietária do restaurante O Navegador e fundadora do Instituto Maniva, foi eleita a personalidade do ano. “Estamos contribuindo para o desenvolvimento sócio-econômico do Estado, por intermédio da sua produção gastronômica, e valorizando e difundindo a cultura do gosto regional, que é a nossa principal meta”, diz o jornalista Chico Junior, idealizador do prêmio.

A premiação ocorreu um dia após a Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro aprovar o projeto de lei que estabelece a gastronomia fluminense como cultura. Responsável por abrir a noite, o governador Luiz Fernando Pezão prometeu sancionar a lei.

Veja todos os vencedores por categoria:

Da Água – Vieiras (Ilha Grande/Angra dos Reis, Costa Verde)

Cachaças – Coqueiro Ouro (Paraty, Costa Verde)

Cafés – Tassinari  Reserva Especial (São José do Vale do Rio Preto, Região Serrana)

Cervejas – Ranz Capineira (Lumiar – Nova Friburgo, Região Serrana)

Continua após a publicidade

Conservas – Mini berinjelas recheadas com nozes da Arte em Conservas (Vale das Videiras – Petrópolis, Região Serrana)

Pastas e Patês – Patê de fígado de aves da Green Man Farm (Inconfidência, Paraíba do Sul)

Doces e Compotas – Geleia de morango da Doçuras da Suely (Nova Friburgo, Região Serrana)

Embutidos – Linguiça de lombinho da Defumados Friburgo (Nova Friburgo, Região Serrana)

Laticínios – Iogurte de leite de búfala do laticínios do Rancho Lo Buono (Secretário – Petrópolis, Região Serrana)

Mel – Mel silvestre do Apiário Amigos da Terra (Nova Friburgo, Região Serrana)

Queijos – Queijo de ovelha curado tipo amanteigado do sítio Solidão (Miguel Pereira, Centro-Sul Fluminense)

Da Terra – Banana agroecologica (Vargem Grande, Rio de Janeiro)

Prêmios especiais

Instituição – Grupo de Produtores Orgânicos do Brejal (Petrópolis, Região Serrana)

Personalidade – Teresa Corção (Instituto Maniva)

Continua após a publicidade
Publicidade