Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
CASACOR Tendências de decoração, arquitetura, design e paisagismo com curadoria

20 sofás que roubam a cena na CASACOR 2021

Além da sala de estar, o sofá também aparece em varandas, restaurante e até na piscina. Veja estas ideias de decoração no Rio de Janeiro e na Bolívia!

Por Giovanna Jarandilha/CASACOR Atualizado em 3 jun 2021, 14h23 - Publicado em 2 jun 2021, 10h00
Ambientes onde o sofá é o destaque na CASACOR Rio 2021.
André Nazareth/Veja Rio

O sofá é peça essencial em qualquer sala de estar. Lugar para receber, relaxar e jogar conversa fora, ele é ponto focal na decoração da sala e, a depender do seu estilo, pode transformar por completo a atmosfera do ambiente. Confortável, estiloso ou de tecidos naturais, como o couro, o sofá pode dar à sua sala ares contemporâneos ou de casinha de vovó. Você é quem decide!

Na CASACOR 2021, inspiração é o que não falta para essa área tão importante da casa. Nas mostras no Rio de Janeiro e na Bolívia, ele integra também varandas, restaurantes e até uma área de piscina.

Está procurando ideias de sofás incríveis para colocar na sua casa? Confira diversos modelos abaixo!

1. Cozinha dos Amigos – Anna Malta e Andréa Duarte

A decoração dos 80 m² mistura recursos tecnológicos do século XXI com a beleza dos elementos arquitetônicos originais da construção, como os azulejos portugueses e o piso. Boa parte dos objetos também fazem parte do acervo do palacete.

Cozinha dos Amigos - Anna Malta e Andréa Duarte. Ambiente da CASACOR Rio 2021.
Cozinha dos Amigos – Anna Malta e Andréa Duarte. CASACOR Rio de Janeiro 2021. André Nazareth/Veja Rio

2. Casa UP – UP3 Arquitetura

A construção contemporânea feita exclusivamente para a mostra mistura o estilo escandinavo com o carioca, ao usar pedra, argila, madeira e algodão na decoração. Abertos e multifuncionais, os espaços propõem uma reconexão com a natureza, que é ainda mais reforçada pela paleta em tons terrosos e verde-mata.

Casa UP - UP3 Arquitetura. Ambiente da CASACOR Rio de Janeiro 2021.
Casa UP – UP3 Arquitetura. CASACOR Rio de Janeiro 2021. André Nazareth/Veja Rio

3. Sala de Arte “Contemplação” – Mario Costa Santos

Inspirado no Slow Living, que valoriza o tempo e o apreço aos detalhes, este ambiente possui décor leve, confortável e pensado para despertar sensações. No mobiliário, cadeiras de Sérgio Rodrigues e peças contemporâneas de Jader Almeida contrastam com os detalhes originais da casa.

Sala de Arte “Contemplação” - Mario Costa Santos. Ambiente da CASACOR Rio 2021.
Sala de Arte “Contemplação” – Mario Costa Santos. CASACOR Rio de Janeiro 2021. André Nazareth/Veja Rio

4. Jardim de Inverno – Jean de Just

Pensado para reuniões familiares, mas também para as necessidades do dia a dia, o espaço une estar, jantar e escritório e tem como destaque o uso de pastilhas criando desenhos geométricos – uma referência contemporânea aos azulejos do século XVIII que estão presentes em vários cômodos da residência.

Jardim de Inverno - Jean de Just. Ambiente da CASACOR Rio 2021.
Jardim de Inverno – Jean de Just. CASACOR Rio de Janeiro 2021. André Nazareth/Veja Rio

5. Estudio del Arquitecto – Homenaje Arq. Mario A. Palma Gómez – Eduardo Baldelomar.

Diversas correntes e estilos que influenciaram o arquiteto Mario A. Palma Gómez aparecem nos 60 m² do espaço. O local é funcional e mescla móveis de design contemporâneo com a nostalgia dos tempos criativos e esperançosos.

Estudio del Arquitecto - Homenaje Arq. Mario A. Palma Gómez - Eduardo Baldelomar. Ambiente da CASACOR Bolívia 2021.
Estudio del Arquitecto – Homenaje Arq. Mario A. Palma Gómez – Eduardo Baldelomar. CASACOR Bolívia 2021. Alvaro Mier/Veja Rio

6. Casa Bistrô – Maurício Nóbrega Arquitetura
O restaurante traz um mix de peças de estilos diversos – muitas delas encontradas na própria casa e sem uso há anos. O mobiliário privilegia mesas grandes e espaçosas que possibilitam o distanciamento até mesmo entre pessoas de um mesmo grupo.

Casa Bistrô - Maurício Nóbrega Arquitetura. Ambiente da CASACOR Rio de Janeiro 2021.
Casa Bistrô – Maurício Nóbrega Arquitetura. CASACOR Rio de Janeiro 2021. André Nazareth/Veja Rio

7. Quarto do Casal – Paola Ribeiro

Há um pequeno espaço de trabalho, muitas estantes que aproveitam os armários originais e uma privilegiada vista para os jardins. O mobiliário contemporâneo (em parte assinado por Paola em parceria com Maria Cândida Machado) contrasta com os ricos detalhes arquitetônicos da residência.

Quarto do Casal - Paola Ribeiro. Ambiente da CASACOR Rio 2021.
Quarto do Casal – Paola Ribeiro. CASACOR Rio de Janeiro 2021. André Nazareth/Veja Rio

8. Casa Komorebí – Tassiana Oshiro

Komorebi é uma palavra japonesa que designa o fenômeno que ocorre quando a luz do sol se entrelaça nos galhos das árvores. É também o nome deste ambiente que tem base no minimalismo japonês, onde cada elemento mantém a sua essência e personalidade, respeita o ciclo natural das coisas e sua evolução.

Casa Komorebí - Tassiana Oshiro. Projeto da CASACOR Bolívia 2021.
Casa Komorebí – Tassiana Oshiro. CASACOR Bolívia 2021. Alvaro Mier/Veja Rio

9. Living Mutante – Gisele Taranto Arquitetura

O espaço é uma resposta à necessidade de ter espaços flexíveis e facilmente modificáveis. Os clássicos móveis de design assinados por Sérgio Rodrigues, Lina Bo Bardi e Oscar Niemeyer ganham a companhia de obras de arte em um ambiente com ares de galeria.

Continua após a publicidade
Living Mutante - Gisele Taranto Arquitetura. Projeto da CASACOR Rio 2021.
Living Mutante – Gisele Taranto Arquitetura. CASACOR Rio de Janeiro 2021. André Nazareth/Veja Rio

10. Varanda do Casal – Anna Luiza Rothier

Múltiplas funções marcam este ambiente: espaço para refeições, relaxar, receber convidados e apreciar a natureza. O clima é bem tropical com uma jardineira onde reinam palmeiras e filodendros. Em frente à porta, a mesa e a sala íntima estendida criam um living a céu aberto.

Varanda do Casal - Anna Luiza Rothier. Projeto da CASACOR Rio 2021.
Varanda do Casal – Anna Luiza Rothier. CASACOR Rio de Janeiro 2021. André Nazareth/Veja Rio

11. Dormitorio Generación Zeta – José Diego Torrico e Ximena Jordán

O dormitório une passado, presente e futuro, para representar o contraste entre a essência individual, as projeções e a realidade presente nessa geração. Os detalhes originais da casa aparecem nos tijolo e a paleta de cores é neutra.

Dormitorio Generación Zeta - José Diego Torrico e Ximena Jordán. Projeto da CASACOR Bolívia 2021.
Dormitorio Generación Zeta – José Diego Torrico e Ximena Jordán. CASACOR Bolívia 2021. Alvaro Mier/Veja Rio

12. O Refúgio – Adriana Esteves

O espaço colorido e despojado reflete as novas tendências do morar do mundo pós-pandemia em que os ambientes precisam abrigar múltiplas funcionalidades, ainda que em metragens reduzidas. O local dedicado ao descanso e à desconexão do mundo exterior privilegia o conforto com mobiliário aconchegante.

O Refúgio - Adriana Esteves. Ambiente da CASACOR Rio 2021.
O Refúgio – Adriana Esteves. CASACOR Rio de Janeiro 2021. André Nazareth/Veja Rio

13. Atrium – Cynthia Berlandez Pedrosa e Raphael Pedrosa Zay

Pensado como uma varanda intimista para aproveitar a bela vista do jardins da residência, o antigo porte-cochère da casa ganhou ambientação casual chic com toques tropicais e o uso de materiais naturais como fibras e palha. Arcos brancos enquadram a natureza em volta.

Atrium - Cynthia Berlandez Pedrosa e Raphael Pedrosa Zay. Projeto da CASACOR RIo 2021.
Atrium – Cynthia Berlandez Pedrosa e Raphael Pedrosa Zay. CASACOR Rio de Janeiro 2021. André Nazareth/Veja Rio

14. Cine en Casa – Claudia Gonzales e Guido Justiniano

Inspirado na tradicional região de La Pascana dos anos 1950, este ambiente de 18 m² é dividido em dois: uma área de cinema e um bar. O mobiliário e o tecido nativo acompanham um espaço funcional e confortável, que se funde com equipamentos de alta tecnologia.

Cine en Casa - Claudia Gonzales e Guido Justiniano. Projeto da CASACOR Bolívia 2021.
Cine en Casa – Claudia Gonzales e Guido Justiniano. CASACOR Bolívia 2021. Alvaro Mier/Veja Rio

15. Sala Íntima do Hóspede – Tatiana Lopes e Tatiana Pessoa Mendes

O estar ganha novos ares: é um espaço que facilmente se adapta para acomodar um hóspede, mas também tem um lugar para o home office e até um cantinho dedicado ao home fitness, com uma bicicleta de spinning e um tablet para a exibição de aulas online.

Sala Íntima do Hóspede - Tatiana Lopes e Tatiana Pessoa Mendes. Projeto da CASACOR Rio 2021.
Sala Íntima do Hóspede – Tatiana Lopes e Tatiana Pessoa Mendes. CASACOR Rio de Janeiro 2021. André Nazareth/Veja Rio

16. Biblioteca – Andréa Chicharo Arquitetura

Boa parte da estrutura é original do espaço: sancas, vitrais, portas e piso já estavam na casa do século XXI, repleta de detalhes arquitetônicos do século XIX. O mobiliário contemporâneo assinado por grandes nomes do design nacional contrasta com esse cenário que atravessa os tempos.

Biblioteca - Andréa Chicharo Arquitetura. Projeto da CASACOR RIo 2021.
Biblioteca – Andréa Chicharo Arquitetura. CASACOR Rio de Janeiro 2021. André Nazareth/Veja Rio

17. Refugio de Familia – Alejandra Reyes e Bruna Añez

A utilização de móveis de madeira misturado com a tecnologia de iluminação confere aconchego e naturalidade, criando um ambiente para relaxar. A decoração sutil e confortável combina materiais modernos com pormenores rústicos originais da casa, valorizando a história da construção.

Refugio de Familia - Alejandra Reyes e Bruna Añez. Projeto da CASACOR Bolívia 2021.
Refugio de Familia – Alejandra Reyes e Bruna Añez. CASACOR Bolívia 2021. Alvaro Mier/Veja Rio

18. Joalheria – Murad Mohamad e Jéssica Sarrià

Com layout fluido, a loja foge dos padrões de exposição de joias e traz um clima intimista e aconchegante. A paleta de cores – uma mistura de tons terrosos, bege e verdes – cria um espaço luminoso para as joias, peças de cerâmica, flores e objetos de casa.

Joalheria - Murad Mohamad e Jéssica Sarrià. Projeto da CASACOR Rio 2021.
Joalheria – Murad Mohamad e Jéssica Sarrià. CASACOR Rio de Janeiro 2021. André Nazareth/Veja Rio

19. Café – Lucilla Pessoa de Queiroz e Renata Caiafa Quintanilha

Tomar um café à beira da piscina enquanto contempla a natureza é o objetivos deste espaço. No mobiliário, o ferro e a madeira predominam nas peças criadas pelas arquitetas para o ambiente. Mas há ainda móveis contemporâneos de área externa e criações de Sérgio Rodrigues.

Café - Lucilla Pessoa de Queiroz e Renata Caiafa Quintanilha. Projeto da CASACOR Rio 2021.
Café – Lucilla Pessoa de Queiroz e Renata Caiafa Quintanilha. CASACOR Rio de Janeiro 2021. André Nazareth/Veja Rio

20. Loft Querencia – Iris Rojas e Taynara Wazilewski

Com 53 m², esta casa vila convida ao descanso, longe do caos da cidade e do wi-fi. O espaço tem todos os seus ambientes integrados: quarto, banheiro, cozinha, jantar, estar, escritório e até piscina.

Loft Querencia - Iris Rojas e Taynara Wazilewski. Projeto da CASACOR Bolívia 2021.
Loft Querencia – Iris Rojas e Taynara Wazilewski. CASACOR Bolívia 2021. Alvaro Mier/Veja Rio

Veja também:

Continua após a publicidade
Publicidade