Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
CASACOR Tendências de decoração, arquitetura, design e paisagismo com curadoria

Refúgio familiar no campo conta com décor rústico e cocheira de cavalo

Maurício Nóbrega, que esteve à frente da renovação, privilegiou as áreas sociais e não deixou de fora as cocheiras, um pedido especial da cliente

Por CASACOR Atualizado em 25 ago 2021, 12h54 - Publicado em 25 ago 2021, 10h00
casa; serra; mauricio nobrega; cocheira; marrom; arquitetura; construção;
André Nazareth/Veja Rio

Herança de família, a casa na Serra estava fechada há anos e sentia a passagem do tempo quando chegou às mãos da diretora de estilo Paula Fernandes, uma apaixonada pela região, onde frequenta desde criança. 

Com o desejo de transformar a propriedade em algo totalmente diferente, ela convocou o arquiteto Maurício Nóbrega para uma renovação completa, que incluía a construção de cocheiras de cavalo.

Refúgio familiar no campo conta com décor rústico e cocheira de cavalo
André Nazareth/Veja Rio

“Minha ideia foi fazer algo bem simples, com uma arquitetura parecida para todas as construções, criando assim um conjunto integrado”, explica Maurício.

Refúgio familiar no campo conta com décor rústico e cocheira de cavalo
André Nazareth/Veja Rio

span style=”font-weight: 400;”>Para isso, o arquiteto usou dois recursos: escolheu um tom incomum para as fachadas, o marrom, que serve como uma espécie de camuflagem para que a casa não seja percebida por quem passa por estradas próximas; e fez todas as esquadrias de madeira, seguindo o mesmo estilo das cocheiras.

Refúgio familiar no campo conta com décor rústico e cocheira de cavalo
André Nazareth/Veja Rio

A primeira intervenção foi na garagem. Localizada num pequeno anexo de 42 m² ao lado da casa principal sem muito uso, o espaço foi transformado em casa de hóspedes com um quarto, um estar e uma pequena cozinha de apoio. 

Continua após a publicidade

Refúgio familiar no campo conta com décor rústico e cocheira de cavalo
André Nazareth/Veja Rio

Já a casa principal, localizada em uma parte mais alta do terreno, foi completamente reformulada. Antes muito simples e compartimentada, a construção de 190 m² teve as paredes derrubadas criando um espaço social mais amplo para a família passar os fins de semana e as férias.

Refúgio familiar no campo conta com décor rústico e cocheira de cavalo
André Nazareth/Veja Rio

A decoração ficou a cargo da própria Paula, que fez questão de aproveitar móveis herdados e adquiridos ao longo da vida além de objetos garimpados e trazidos de viagem, criando uma ambientação bem personalizada.

Refúgio familiar no campo conta com décor rústico e cocheira de cavalo
André Nazareth/Veja Rio

Para completar a nova configuração da propriedade, Maurício criou ainda dois espaços para os moradores mais antigos: cocheiras, numa parte mais baixa do terreno, e um picadeiro central, bem em frente à casa, um pedido especial da dona da casa, que é apaixonada por cavalos.

Refúgio familiar no campo conta com décor rústico e cocheira de cavalo
André Nazareth/Veja Rio

Veja também:

 

Continua após a publicidade

Publicidade