Clique e assine por apenas 3,90/mês
Bruno Chateaubriand Por Bruno Chateaubriand, jornalista

Bailado solidário

Doze casais de Mestre-sala e Porta-bandeira do Rio de Janeiro organizam badalada ação social

Por Bruno Chateaubriand - Atualizado em 11 ago 2020, 13h38 - Publicado em 11 ago 2020, 03h12

Em meio à pandemia e ao momento de incertezas que vivemos, o Carnaval carioca continua sem uma definição de data. A cadeia produtiva do maior evento turístico do Rio de Janeiro continua sem agenda e portanto, todos os artistas que viviam do setor permanecem sem saber como será o amanhã.
Pensando em dar um movimento e realizar uma ação do bem os doze casais do grupo especial do Rio de Janeiro, liderados pelo primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira da Unidos do Viradouro, campeões do Carnaval de 2020, Rute Alves e Julinho, criaram um projeto chamado bailado solidário. Doações e leilões estão sendo organizados com o objetivo de arrecadação de cestas básicas para casais de mestre-sala e porta-bandeira atuantes, ou não, de qualquer grupo e que estejam em situação de vulnerabilidade social. Um instagram foi criado – @bailadosolidario. Sábado, dia 15 de agosto, na Cidade do Samba, os doze casais irão se reunir e farão um registro ao lado de uma bandeira realizada e doada por Aurora Galonet, artesã que confecciona 80% dos estandartes do nosso carnaval. O objetivo final  desse memorável  registro será um grande leilão, via live, que ocorrerá no dia 18 de agosto, às 20 horas. Artistas como Sabrina Sato, Viviane Araújo e Aline Riscado estão gravando videos e ajudando a promover essa badalada live.

Vamos ajudar? Maiores informações pelo instagram @bailadosolidário

Relação do doze casais que participam do projeto:

Julinho e Rute Alves (Unidos do Viradouro)

Sidcley e Marcella Alves (Acadêmicos Salgueiro)

Claudinho e Selminha Sorriso (Beija flor de Nilópolis)

Matheus e Squel Jorgea (Estação Primeira de Mangueira)

Continua após a publicidade

Marlon Lamar e Lucinha Nobre ( Portela)

Diogo Jesus e Bruna (Mocidade Independente de Padre Miguel)

Thiaguinho Mendonça e Rafaela (Imperatriz Leopoldinense)

Daniel e Taciana (Acadêmicos do Grande Rio)

Phelipe e Denadir (Unidos da Tijuca)

Marcinho e Cristiane Caldas (Unidos de Vila Isabel)

Vinícius e Jack (São Clemente)

Marlon Flores e Danielle Nascimento (Paraíso do Tuiuti)

Continua após a publicidade
Publicidade