Clique e assine por apenas 7,90/mês
Beira-Mar Por Blog Notícias sobre celebridades, famosos, sociedade e pessoas interessantes do Rio de Janeiro

Viram essa? Paulo Barros responde as críticas de Fernando Horta, presidente da Unidos da Tijuca, sobre seu trabalho agora na Mocidade

Ex-Unidos da Tijuca, o carnavalesco Paulo Barros, que foi campeão pela escola tijucana em 2010, 2012 2 2014, estreou neste ano seu primeiro Carnaval na Mocidade. Mas, se o carro que mostrava diferentes tipos de casal simulando sexo fez o público vibrar, a reação de Fernando Horta, presidente da Tijuca, não foi a mesma em […]

Por Daniela Pessoa - Atualizado em 25 fev 2017, 18h16 - Publicado em 19 fev 2015, 14h54
paulo barros mocidade

Paulo Barros: rebate à crítica de Fernando Horta, presidente da Unidos da Tijuca

Ex-Unidos da Tijuca, o carnavalesco Paulo Barros, que foi campeão pela escola tijucana em 2010, 2012 2 2014, estreou neste ano seu primeiro Carnaval na Mocidade. Mas, se o carro que mostrava diferentes tipos de casal simulando sexo fez o público vibrar, a reação de Fernando Horta, presidente da Tijuca, não foi a mesma em relação à alegoria. “Sinceramente, não gostei [do desfile da Mocidade]. Comigo ele não faria esse Carnaval, porque eu não deixaria. Achei muito apelativo, principalmente o carro com cenas de sexo. A gente aceita, mas não gosta de ver. Ele exagerou”, disse Horta em entrevista a um site de notícias. Barros não gostou, e respondeu via Facebook dizendo que “Era só dar as costas, comer algo ou ir ao banheiro. Não deixaria eu fazer essas cenas na sua escola? Por que acha que deixei a Unidos da Tijuca?”.

sexo-mocidade.jpg

Simulação de sexo no desfile da Mocidade: a alegoria da discórdia

Segundo o carnavalesco, ele é tratado com desdém desde que deixou a agremiação: “Desde a minha saída o senhor só sabe minimizar o meu valor e em nenhum momento quis deixar claro a minha participação nas conquistas da escola nos últimos 10 anos. Mesmo que o senhor negue, meu nome vai estar cravado nas paredes dessa escola maravilhosa pelo resto da vida”, escreveu Barros.

Publicidade

Nesta quarta (18), foi Horta quem rebateu: “Paulo Barros é uma besta. O que ele fala não se escreve. Eu não falei que não gosto dele. Só disse que não gostei do Carnaval dele deste ano. Mas o que ele escreve não me interessa”.

Confira o que Barros escreveu em sua página no Facebook, na íntegra:

paulo barros facebook

Publicidade