Clique e assine por apenas 4,90/mês
Beira-Mar Por Blog Notícias sobre celebridades, famosos, sociedade e pessoas interessantes do Rio de Janeiro

Tsubasa Imamura, cantora japonesa que fala português e gosta de Tom Jobim, faz show no Parque Madureira

Com mais de 140 000 fãs em sua página oficial no Facebook (em português), a cantora e compositora japonesa Tsubasa Imamura cativou o público brasileiro com sua voz suave e um estilo pop que curiosamente lembra a Bossa Nova. Bom, nem tão ‘curiosamente’ assim, já que a nipônica é apaixonada por músicos como Tom Jobim […]

Por Daniela Pessoa - Atualizado em 25 fev 2017, 18h00 - Publicado em 9 jul 2015, 23h14
tsubasa2

Tsubasa Imamura: cantora japonesa faz sucesso no Brasil

Com mais de 140 000 fãs em sua página oficial no Facebook (em português), a cantora e compositora japonesa Tsubasa Imamura cativou o público brasileiro com sua voz suave e um estilo pop que curiosamente lembra a Bossa Nova. Bom, nem tão ‘curiosamente’ assim, já que a nipônica é apaixonada por músicos como Tom Jobim e Astrud Gilberto (e também Renato Russo, Raul Seixas, Cazuza, Zé Ramalho, Marisa Monte, Djavan). Tsubasa já esteve no Brasil cinco vezes, cantando canções de artistas brasileiros em um português com a pronúncia que lembra a do personagem Cebolinha, da Turma da Mônica – trocando o ‘R’ pelo ‘L’. Sua próxima apresentação será no Rio, de graça, como parte das comemorações pelos 120 de amizade Japão-Brasil. O show acontece nesta sexta (10), às 18h30, no Parque Madureira. Antes, a gente bateu um papo com ela sobre música e as impressões acerca da cidade. “Levei um susto quando recebi duas balas de troco na padaria”, conta aos risos. Leia na íntegra:

Como começou a sua relação com o Brasil?

Em 2009, fui convidada para tocar no Festival das Estrelas, um festival japonês que acontece todos os anos na Praça da Liberdade, em São Paulo. Essa foi minha primeira visita ao Brasil, e gostei muito. Depois, recebi mais convites para tocar no país. No Rio, essa será a minha quinta vez a trabalho e a sétima, no total.

Você faz aulas de português ou foi aprendendo a língua com os fãs?

Eu faço aulas cinco vezes por semana, no Japão, com uma professora brasileira. Também aprendo muita coisa com meus fãs brasileiros, inclusive através das redes sociais.

[Olha que FOFA ela fazendo cover da Cássia Eller]

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=zC__VRHL9Cg?feature=oembed&w=500&h=281%5D

Qual é a palavra mais difícil de pronunciar?

Eu tenho dificuldade em diferenciar o ‘R’ do ‘L’. Na minha língua não existe essa diferença.

E sua palavra preferida em português?

“Fofa”.

Continua após a publicidade

O que você está preparando para o seu show no Parque Madureira?

É o terceiro ano consecutivo em que tocamos no Centro de Referência da Música Carioca. É um teatro muito bonito e tem uma bela acústica. Teremos muita música brasileira ao meu estilo e convidados especiais como o Max Viana, filho do Djavan.

[Ela toca até Rauuul!]

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=ALAFuwC2qls?feature=oembed&w=500&h=281%5D

O que você gosta de fazer quando está no Rio?

O Rio é uma cidade muito romântica. Já viajei a muitos países em turnê, e o Rio me lembra muito alguns países da Europa. Gosto da cidade como um todo. Museus, bondinho, Cristo, Lapa. Eu só não me dou muito bem com o sol, então não costumo frequentar praias.

Qual é a sua comida preferida no Brasil?

Eu sou vegetariana. Gosto muito de suco de cupuaçu.

A cultura brasileira é muito diferente da japonesa. Já levou algum susto?

No Japão, o transporte público é muito eficiente. O trânsito do Brasil é estressante. Também me assustei com a quantidade de moradores de rua, em especial crianças. No Japão, você pode andar de madrugada sozinha sem problema nenhum, em qualquer lugar. Não poder sair à noite, sem precauções, é algo novo pra mim. Agora, me assustar mesmo foi quando recebi duas balas de troco na padaria (risos).

Para terminar, um coverzinho de Skank!

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=tZGhjSm01aI?feature=oembed&w=500&h=281%5D

Continua após a publicidade
Publicidade