Clique e assine por apenas 4,90/mês
Beira-Mar Por Blog Notícias sobre celebridades, famosos, sociedade e pessoas interessantes do Rio de Janeiro

Leonardo de Araújo, ex-jogador da seleção brasileira, abre filial da Cervejaria Noi no Leblon

A ideia era ser apenas um restaurante italiano em Niterói, mas a cerveja artesanal acabou virando o carro-chefe da casa. Aberta em 2011, a Cervejaria Noi, embora quase ninguém saiba, tem entre os seis sócios o ex-jogador de futebol da seleção brasileira Leonardo de Araújo. Com a cerveja que leva o nome do estabelecimento premiada […]

Por Daniela Pessoa - Atualizado em 25 fev 2017, 17h58 - Publicado em 18 jul 2015, 01h02
Divulgacao-4

Leonardo de Araújo: do futebol para a cervejaria

A ideia era ser apenas um restaurante italiano em Niterói, mas a cerveja artesanal acabou virando o carro-chefe da casa. Aberta em 2011, a Cervejaria Noi, embora quase ninguém saiba, tem entre os seis sócios o ex-jogador de futebol da seleção brasileira Leonardo de Araújo. Com a cerveja que leva o nome do estabelecimento premiada em vários concursos, o negócio finalmente vai aportar na Zona Sul no dia 29 deste mês. Será na Rua Conde de Bernadotte, no Leblon, com os oito rótulos originais e cardápio harmonizado de petiscos. “Montamos um bar chiquezinho. Quis investir em uma coisa que eu mesmo pudesse curtir. A segunda inauguração vai ser em setembro, no meu aniversário, com festa”, revela Leonardo, radicado em Milão. Sem nenhum curso sobre a bebida no currículo, o ex-atleta se pauta apenas pela paixão. “Eu provo cada uma das que produzimos, e outras tantas. Nossa cerveja tem menos gás que as concorrentes. Por isso não empapuça.”

LEIA MAIS NA COLUNA BEIRA-MAR DESSA SEMANA:

+ Priscila Fantin estreia programa de humor ao vivo, neste domingo (19): “Dá medo, mas sou capaz”

+ Patricia Davidson, nutricionista das celebridades, vai lançar livro Dieta de Casais e abrir clínica na Barra

+ Top model Fernanda Motta estreia sua primeira novela, sem medo das críticas: “Não estou aqui para ganhar o Oscar”

+ Diretor do Cine Odeon assume dupla jornada de trabalho e prepara filme sobre Marco Archer, brasileiro fuzilado na Indonésia

Continua após a publicidade
Publicidade