Clique e assine por apenas 4,90/mês
Beira-Mar Por Blog Notícias sobre celebridades, famosos, sociedade e pessoas interessantes do Rio de Janeiro

José Mayer nega ter assediado figurinista e Globo apura o caso

"As palavras e atitudes que me atribuíram não são minhas!", afirmou à Folha de São Paulo

Por Redação VEJA RIO - Atualizado em 31 mar 2017, 19h14 - Publicado em 31 mar 2017, 19h13

Acusado de assédio pela figurinista Susllem Tonani, de 28 anos, o ator José Mayer, 67, negou o ocorrido em entrevista à Folha de S. Paulo, que publicou o relato da jovem nesta sexta (31) no blog #AgoraÉqueSãoElas. Ao jornal, o ator disse que respeita muito as mulheres, seus companheiros e o seu ambiente de trabalho. “Peço a todos que não misturem ficção com realidade”, completou. “As palavras e atitudes que me atribuíram são próprias do machismo e da misoginia do personagem Tião Bezerra [que ele interpreta na novela das 21h, “A Lei do Amor”, que acaba nesta sexta], não são minhas! Nesses 49 anos trabalhando como ator sempre busquei e encontrei respeito e confiança em todos que trabalham comigo”, afirma Mayer.

+ Letícia Sabatella defende figurinista: “José Mayer não se emenda, hein?”

Em nota divulgada pela Globo, a emissora informa que não comenta assuntos internos, mas que “repudia toda e qualquer forma de desrespeito, violência ou preconceito” e que “todas as questões são apuradas com rigor, ouvidos todos os envolvidos, em busca da verdade”.

 

Publicidade